Como tratar calopsitas feridas

Creatas/Creatas/Getty Images

As calopsitas são mais propensas a se machucar quando suas asas não foram devidamente cortadas, fazendo com que elas voem em direção a janelas e se machuquem ainda mais. Também é possível que elas se machuquem durante a muda, quando as penas de voo podem se tornar irregulares. Procure por inchaços nas asas ou observe se a ave possui dificuldade ou está incapacitada de voar, pois são sinais claros de que o animal está ferido.

Step 1

Leve sua calopsita a um veterinário, caso você ache que ela pode estar ferida. Se um veterinário de aves não estiver disponível, procure sinais de inchaço, incapacidade de voar ou tremedeira como sinais de lesão.

Step 2

Coloque a calopsita em uma gaiola longe de outros pássaros. Se você não tem outras aves, coloque o pássaro de volta em sua gaiola.

Step 3

Tente envolver a asa ferida com gaze, cortando um comprimento grande o suficiente para caber sobre a asa saudável e enrole ao redor do corpo da ave para garantir que a asa ferida fique no lugar.

Step 4

Retire todos os poleiros, exceto aqueles mais próximos da comida e água. A ideia é evitar que a ave tente voar ou se movimentar muito.

Step 5

Coloque uma almofada de aquecimento abaixo da gaiola do pássaro ou próxima a ela. As calopsitas precisam de calor para ajudá-las a melhorar.

Step 6

Mantenha sua gaiola de pássaro coberta e escurecida por várias semanas. Se você não foi capaz de imobilizar a asa do animal com sucesso, isso pelo menos evitará que ele se movimente.

Step 7

Forneça ao seu pássaro água fresca e comida rica em proteínas, diariamente.

×