Como alimentar um porco-espinho de estimação

Escrito por ehow contributor | Traduzido por alexandre amorim
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como alimentar um porco-espinho de estimação
Nem todo mundo possui um porco-espinho de estimação (John Foxx/Stockbyte/Getty Images)

Como alimentar um porco-espinho de estimação. Todos os seus amigos possuem cães, gatos ou pássaros, mas existem outras opções. Que tal um porco-espinho? Existem poucas pessoas em um círculo de amizades que possua um. Na verdade, esses animais de estimação são fáceis de manter. O maior desafio é alimentá-lo. Aqui estão algumas maneiras de deixá-lo bem alimentado e saudável.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Compre ração para porcos-espinho. Pode ser um pouco difícil de achar nas lojas de produtos para animais, mas será fácil de encontrar na internet.

  2. 2

    Adicione variedade à dieta do seu porco-espinho. Frutas e vegetais, atum ou salmão, ovos cozidos, galinha cozida e caldo de arroz são ótimas adições para a alimentação do seu porco-espinho. Esses alimentos devem ser oferecidos com moderação.

  3. 3

    Faça um agrado ao porco-espinho dando larvas de farinha ou grilos algumas vezes por semana. Existem outros tipos de regalo disponíveis nas lojas especializadas.

  4. 4

    Sirva as refeições do porco-espinho à noite. Alguns agrados podem ser dados durante o dia, mas a maioria desses animais possuem hábitos noturnos (na natureza, eles costumam buscar alimento à noite).

  5. 5

    Mantenha um recipiente com água sempre disponível para o seu porco-espinho. A água pode ser posta em um prato ou em uma garrafa.

Dicas & Advertências

  • É possível alimentar um porco-espinho com ração de gato de alta qualidade se desejar. Apesar das rações propriamente projetadas para esses animais serem uma melhor escolha, a comida para gatos é um substituto aceitável. Pequenas quantidades de frutas e vegetais, até mesmo larvas de farinha, podem ser ocasionalmente misturadas com a ração, seja ela para porcos-espinho ou para gatos, ao invés de ser ministrada separadamente.
  • Não alimente o seu porco-espinho de estimação com alimentos que incluam frutas secas ou nozes, pois esses oferecem risco de engasgamento. Além disso, podem causar problemas dentários nos porcos-espinho.
  • Não deixe a comida prontamente disponível para o seu porco-espinho ao longo do dia. Alimentá-lo demais pode deixá-lo acima do peso e doente. Não mude a sua dieta abruptamente, uma vez que isso pode causar diarréia ou anorexia. Misture a dieta antiga com a nova, aumentando a quantidade de ingredientes novos gradativamente, até que o cardápio esteja totalmente substituído.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível