Como criar um cavalo Palomino

Escrito por jessica schira | Traduzido por alexandre amorim
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como criar um cavalo Palomino
Palominos são difíceis de se conseguir (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Para que um cavalo seja registrado na associação americana Palomino Horse Breeders of America (PHBA), o dono precisa ser capaz de provar que o cavalo possui o tipo de coloração de palominos que o registro tenta promover. Cavalos que são aceitos nesse registro possuem 1,40 m a 1,70 m de altura, uma pele que pode ser comparada a vários tons de ouro 14 quilates, e crina e rabo brancos. O problema é que obter uma cria de palomino requer que se pense bastante sobre genética, uma reprodução cuidadosa e um pouco de sorte.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

Instruções

    Como criar um cavalo palomino

  1. 1

    A melhor forma de conseguir um potro palomino é criando um cavalo cujos testes provaram que se trata de um palomino homozigótico. Um cavalo de criação que é testado como um palomino homozigótico vai gerar apenas potros cujas cores são características dos palominos ou cor de camurça, quando forem gerados por alazões, baios ou castanhos.

  2. 2

    A cor não deve ser a única razão para escolher um garanhão para cruzar com a sua égua. O principal propósito de pôr a sua égua para reproduzir é gerar um potro ainda melhor que a égua e o garanhão. A última coisa que você quer fazer é cruzar sua égua com um garanhão que possui uma má formação. É necessário analisar os pontos bons da égua e do garanhão e ter certeza de que um complementa o outro.

  3. 3

    Não ponha sua égua para cruzar apenas porque você quer um potro. Mesmo se a sua égua for perfeita e você tenha achado um garanhão homozigótico que seja igualmente perfeito, ainda é necessário considerar a personalidade da égua. É muito comum que o potro herde o gênio da sua mãe, e uma égua que possui um mau temperamento provavelmente gerará um potro que é igualmente difícil de se lidar.

  4. 4

    A idade da sua égua precisa ser levada em consideração quando se está tentando cruzá-la para obter um potro palomino. Muitos veterinários não recomendam o cruzamento de éguas que possuam menos de quatro anos de idade porque elas ainda estão crescendo e se desenvolvendo. Ao mesmo tempo, é preciso pensar duas vezes antes de cruzar uma égua mais velha. As éguas com mais de vinte anos que nunca pariram antes normalmente sentem dificuldades durante o trabalho de parto e existe uma chance muito grande de que você perca não apenas o potro, mas também a sua égua.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível