Mais
×

Como dar uma advertência verbal

Atualizado em 21 fevereiro, 2017

Quando conversas prévias com um empregado bem treinado — que sabe o que se espera dele e não tem nenhum obstáculo impedindo-o de cumprir as obrigações— não resultam no comportamento esperado ou não ocorrem melhorias em sua performance, o próximo passo é adverti-lo verbalmente. Advertências verbais são ações disciplinares veiculadas oralmente. Através delas, você comunicará ao funcionário quais são suas expectativas e o alertará que outras medidas disciplinares serão tomadas caso sua performance não melhore.

Instruções

Uma advertência verbal deve ser dada longe de outros funcionários (BananaStock/BananaStock/Getty Images)
  1. Fale com alguém do setor de recursos humanos de sua empresa ou com seu chefe para saber qual o procedimento correto para advertir verbalmente um funcionário. Por exemplo, mesmo que você fale com ele, ainda assim precisará de um documento relatando a advertência para fins de registro.

  2. Revise anotações que você, porventura, tenha feito no passado sobre o funcionário em questão e que se relacionem com os mesmos fatos que agora o obrigam a emitir uma advertência verbal. Junte os fatos antes de conversar com ele, assim seu propósito e aviso ficarão claros. Conhecer os fatos também ajudará a defender seu posicionamento caso o empregado tente discutir acerca de eventos passados. Anote tudo que você já tenha sugerido para o funcionário melhorar seu comportamento e performance no trabalho. Prepare-se para argumentar sobre a razão dessas estratégias não terem surtido efeito, tendo resultado na emissão de uma advertência.

  3. Peça que outro supervisor sirva de testemunha da advertência verbal. Convide o funcionário para acompanhá-lo até uma área privada ou a um gabinete. Explique o que está errado quanto ao comportamento ou performance dele de maneira polida e profissional. Diga como ele pode corrigir o problema. Pergunte se ele sabe como resolver os próprios erros.

  4. Informe-o de que uma advertência verbal está sendo emitida. Avise que o descumprimento das sugestões oferecidas para contornar o problema levará à ação disciplinar, podendo culminar na perda do emprego. Pergunte se ele compreende que o próprio emprego está em jogo.

  5. Diga-lhe que você está certo de que ele pode realizar as mudanças necessárias para melhorar a performance de trabalho e comportamento dele. Seja firme e educado todo o tempo.

  6. Documente os detalhes da advertência verbal para que eles constem nos registros. Peça ao supervisor que serviu como testemunha para assinar e datar o documento. Não peça para o funcionário fazer o mesmo, afinal, esta é uma advertência verbal e não escrita. Avisos verbais precedem avisos por escrito. Se você pedir que o funcionário assine, ele poderá alegar futuramente que jamais recebeu uma advertência verbal, o que pode ser um problema em caso de ajuizamento de ação trabalhista.

Aviso

  • Ao advertir o empregado, ouça as justificativas. Você pode perceber que existe um problema que deve ser resolvido para ajudar o funcionário. Faça tudo o que puder, dentro de uma margem de razoabilidade, para auxiliar o funcionário.
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article