Mais
×

Como escrever uma carta de recomendação para um funcionário

Atualizado em 18 julho, 2017

Quando um de seus empregados pedem uma recomendação formal, pode ser difícil saber por onde começar. Essas cartas devem descrever as habilidades, responsabilidades, atitudes e performance do empregado. Antes de começar a escrevê-la, entenda a estrutura básica de uma carta de recomendação, assim como aprenda a separar os sentimentos pela pessoa que pediu a carta. Discutir o futuro trabalho com o empregado pode ajudar. Esse guia ajudará você a escrever essa carta.

Instruções

Escreva uma carta de recomendação ótima para seu empregado (Eileen Bach/Digital Vision/Getty Images)
  1. Mantenha a carta formal ao começá-la com um cabeçalho completo que inclua a data, o nome e endereço da empresa que vai receber a carta. Se o empregado fornecer um nome específico para endereçar a carta, inclua essa informação no cabeçalho. Se não souber quem vai ler a carta, use "Para quem possa interessar" ou "Caro Sr. ou Sra."

  2. Comece com uma introdução que esclareça seu relacionamento com o empregado. Sua primeira frase deve indicar seu propósito; por exemplo, "Estou escrevendo essa carta a pedido de (nome)". Inclua também por quanto tempo conhece o empregado e a posição dele dentro da empresa.

  3. Detalhe o histórico trabalhista do empregado com sua empresa no próximo parágrafo. Comece com uma breve descrição do trabalho dele, incluindo as responsabilidades principais para a posição, assim como qualquer promoções ou projetos especiais designados a ele. Use palavras descritivas para explicar a ética trabalhista e a atitude dele, como "confiante", "decisivo", "hesitante", ou "entusiástico". Demonstre a performance dele usando exemplos das conquistas ou erros dele. Inclua informações úteis, como as melhores habilidades e se ele trabalhou bem como parte de uma equipe.

  4. Use a conclusão para resumir se recomenda ou não o empregado. Frases como "Por isso, tenho o prazer de recomendar (nome)" ou "Embora eu respeite (nome), não tenho certeza se ele é a pessoa certa para essa vaga" são diretas e profissionais. Se sentir-se desconfortável fazendo isso, você pode também incluir seu telefone ou endereço de e-mail caso o futuro contratante deseje entrar em contato com você para perguntas. Use um fechamento formal, como "Atenciosamente, (seu nome)", seguido do seu título, credenciais e nome da empresa.

  5. Imprima a carta com o timbre ou logo da sua empresa. Coloque-a em um envelope e dê para o empregado ou envie diretamente para o empregador, dependendo do pedido da pessoa. Você poderá guardar uma cópia no arquivo do empregado para consultas futuras.

Dicas

  • Seja honesto na recomendação. Não tenha medo de avisar o empregador se o empregado não alcançou a performance esperada enquanto trabalhava para sua empresa. Se o empregador escolher a pessoa e ela não se sair bem, a culpa será sua por dar uma recomendação falsa do trabalho dela.
  • Pergunte se o empregado está disposto a discutir a vaga para qual pretender se inscrever. Isso pode ajudá-lo a elaborar uma carta específica para aquela vaga pois tratará das habilidades, conquistas ou características que o futuro empregador possa querer saber.

Aviso

  • Lembre-se de não fornecer informações que não são apropriadas para um potencial empregador perguntar antes de contratar a pessoa. Isso inclui informações pessoais, como quantos filhos a pessoa tem ou onde ela mora.
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article