Mais
×

Como escrever com uma pena e nanquim

Atualizado em 17 abril, 2017

Antes da caneta de tinta, muitas pessoas usavam uma pena de ave afiada mergulhada em um tinteiro de nanquim para registrar seus pensamentos. Usar a ponta afiada de uma pena para escrever é uma forma de arte em si que requer a pressão e o controle corretos para manipular a leveza desse instrumento. Desenvolver essa habilidade exige prática, mas o esforço é recompensado pela beleza da escrita que acrescenta elegância ao texto.

Instruções

Escrever com tinta nanquim e uma pena é uma forma de arte perdida com o tempo (Comstock Images/Comstock/Getty Images)
  1. Escolha uma pena e afie a sua ponta. As penas de peru, ganso e cisne são as que funcionam melhor. A pena é afiada sobre uma tábua de corte para ficar com uma ponta fina. Papelarias sofisticadas têm em estoque penas com pontas de metal, mas a tradicional era uma pena encontrada ao acaso com uma ponta que era afiada por seu dono.

  2. Escolha o nanquim. O nanquim de caligrafia tem a melhor fluidez sobre o papel e a aderência suficiente à ponta da pena. O nanquim em pó que requer que o escritor adicione água é outra opção, mas a cor da tinta no papel é mais clara e acaba ficando mais cinza do que preta.

  3. Encha o tinteiro. Use um copinho de papel para colocar a tinta. Encha-o apenas com a quantidade de tinta necessária para o projeto.

  4. Use a ponta limpa para praticar a pressão correta nas costas da sua mão. Aplique pressão leve na pena, o suficiente para deixar uma marca sem arranhar. Essa é a pressão certa para escrever. Pratique aplicando vários graus de pressão para poder avaliar a diferença. A pressão certa é mais leve do que você possa imaginar.

  5. Mergulhe a ponta afiada da pena na tinta. Um mergulho rápido é o suficiente para cobrir a ponta.

  6. Escreva com a pena. Aplique sobre o papel a mesma pressão que usou na sua mão. Escreva em letra cursiva, sem levantar a pena da página. Use papel de qualidade ao escrever com uma pena. Escreva na parte texturizada do papel, mas pratique na parte lisa. A parte texturizada do papel tem rugas que interferirão na fluência da pena, mas elas podem ser navegadas com um pouco de paciência.

  7. Encha novamente de tinta a pena quando vir falhas na escrita ou se a tinta estiver clara demais para ser legível. Mergulhar a pena a toda hora ou usar tinta demais levará a manchas de tinta.

Dicas

  • Pratique em papel de rascunho até sentir-se confiante com a pressão e a tinta antes de usar papel mais caro.

O que você precisa

  • Pena de ave
  • Tinteiro de nanquim
  • Nanquim
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article