Mais
×

Fatos sobre a pimenta-cereja

Atualizado em 17 abril, 2017

Os pimentões ou as pimentas malaguetas contêm a capsaicina química, o as torna picantes. A quantidade de capsaicina contida na pimenta determina o quão picante ela será. A pimenta-cereja é um tipo de pimenta malagueta que possui de 5.000 a mais de 8.000 unidades de calor na escala de Scoville, classificando-a como uma pimenta que ocupa a classe intermediária entre as pimentas malaguetas, segundo o nível de ardência, de acordo com a Texas A & M University.

Pimentas-cerejas (chili peppers image by Sean Wallace-Jones from Fotolia.com)

Geografia

Comercialmente, as pimentas-cereja são cultivadas nos Estados Unidos, na Europa e no México. Essa planta requer climas quentes e foi documentada em 1543. Ela é comumente utilizada nas culinárias asiática, sudoeste, mediterrânica, portuguesa, africana e mexicana por causa da ardência que acrescenta aos pratos. Nos Estados Unidos, por exemplo, 1.600 hectares de pimentas-cereja são colhidas entre os meses de maio e setembro, de acordo com a Specialty Produce.

Planta pimenta-cereja

A pimenta-cereja é cultivada comercialmente e ornamentalmente porque produz folhas verdes escuras e ricas e pimentas vermelhas brilhantes. As pimentas-cereja produzidas por essa planta podem variar em tamanho, desde pequenas e doces até maiores e mais picantes.

Tamanho

A pimenta-cereja é bastante pequena, variando de 2 a 4 cm. Quando elas são primeiramente formadas, apresentam a coloração verde e um formato mais semelhante ao da cereja, mas à medida que amadurecem, as pimentas ganham uma cor vermelha-alaranjada brilhante ou profunda. Como as pimentas-cereja têm uma parede muito espessa, elas não podem ser desidratadas.

Valor nutricional

As pimentas-cereja são capazes de aumentar a taxa metabólica e são livres de colesterol e de gordura saturada. Apenas 6 g de pimentas podem queimar 45 calorias ao longo de três horas. As pimentas-cereja contêm vitaminas A, C e B, além de serem fonte de ferro, tiamina, niacina, riboflavina e magnésio. Elas são frequentemente utilizadas ​​em receitas de alimentos saudáveis​​ porque adicionam um pouco de sabor enquanto proporcionam nutrição.

Plantação de pimentas

As pimentas-cereja prosperam em solos arenosos ou argilosos bem drenados. Plante-as espaçadas em 30 cm de distância com linhas espaçadas em 90 cm separadamente, em solo úmido com 15 cm de profundidade. Elas têm um longo período vegetativo, tendo até 120 dias do plantio para atingir a maturidade. As pimentas-cereja preferem temperaturas que variem entre 21 e 29ºC e crescem a um ritmo muito mais lento no tempo frio. Geralmente, essas pimentas ficam prontas para a transplantação de seis a oito semanas após serem plantadas.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article