Ferramentas gregas usadas para fazer esculturas

Escrito por harrison pennybaker | Traduzido por gregory ciannella
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Ferramentas gregas usadas para fazer esculturas
Os gregos antigos usavam uma variedade de ferramentas para a criação de suas esculturas (Greek God image by Sitech from Fotolia.com)

Os antigos gregos são conhecidos como grandes inovadores: filosofia, arquitetura, literatura, ciência e escultura são apenas algumas das muitas áreas em que eles destacaram. A escultura grega antiga é particularmente notável, especialmente tendo em conta que as ferramentas usadas há mais de 2.000 anos eram desenvolvidas a partir de materiais naturais disponíveis para os gregos.

Outras pessoas estão lendo

O mármore

Os gregos fizeram a maioria de suas esculturas de mármore, uma substância rochosa que está amplamente disponível na Grécia. Embora haja uma variedade de tipos de mármore, os gregos preferiram mármore off-white, uma vez que oferece melhor contraste quando visto, permitindo que os espectadores vejam melhor as curvas elaboradas pelo artista. Os gregos também tinham a opção de trabalhar com um mármore de grão mais fino, que rende melhores detalhes, porém mancha mais facilmente, ou um mármore de grãos mais grossos, que era menos favorável aos detalhes, mas oferecia um brilhante acabamento a longo prazo.

Martelo e cinzel

Em grande parte, os gregos antigos se utilizavam de duas ferramentas para trabalhar em suas esculturas: um martelo e cinzel. O cinzel é uma extensão simples de metal, geralmente sob a forma de uma barra, de forma semelhante a um prego, mas com uma ponta achatada. Os gregos colocavam a ponta afiada sobre o mármore e, depois, usavam um martelo para golpear o cinzel, objetivando transformar o mármore em sua visão artística.

A pedra de esmeril

Como o mármore que os antigos gregos estavam usando era, mais ou menos, grosso, ele precisava ser suavizado a fim de acentuar as curvas da peça. A fim de fazer isso, escultores utilizavam uma pedra de esmeril, semelhante a um pedaço de papel de lixa, para desenvolver as curvas nas esculturas e para acentuar determinadas áreas da peça.

Tinta

Quando pensamos em escultura grega antiga pensamos nas estátuas off-white que estamos acostumados a ver nos museus. Os antigos gregos, no entanto, normalmente pintavam suas esculturas, especialmente suas estátuas, com várias cores, incluindo azul, vermelho, marrom, e até mesmo laranja. Pintores especializados foram empregados para adicionar cor ao trabalho de um escultor, uma vez que a obra tenha sido terminada. Ao longo dos anos, a pintura sobre estas esculturas se desgastou, apesar de um selante ter sido usado para ajudar a preservar o trabalho de pintura.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível