Fontes de vinagre destilado

Escrito por judy kilpatrick Google | Traduzido por kelly isayama
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Fontes de vinagre destilado
O vinagre tem validade indefinida (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

A destilação do vinagre é uma arte antiga, embora o processo de fabricação seja natural e ocorra sem intervenções quando líquidos açucarados ficam em recipientes cobertos, em temperaturas mornas e longe de luz direta. A destilação se refere ao processo da remoção do álcool do líquido ou da conversão do álcool em ácido acético. Bactérias naturais do meio iniciam o processo de fermentação e criam uma substância turva e gelatinosa no líquido chamada de "mãe." A substância mãe é retirada antes que o vinagre seja utilizado.

Outras pessoas estão lendo

Vinagre de cidra de maçã

A produção de vinagre de cidra de maçã é um processo de quatro estágios. Primeiro, as maçãs são pressionadas para que se obtenha o suco, que é então deixado em repouso por duas semanas. Durante esse tempo, o suco de maçã se torna cidra através da ação de bactérias do ambiente, chamadas de acetobactérias. A fermentação ocorre depois que a cidra fica em repouso por mais duas semanas. A essa altura, a cidra tem um conteúdo alcoólico de 5 a 6% e está pronta para a destilação. A cidra deve repousar por mais 4 a 8 semanas, até que o álcool seja convertido para ácido acético, sendo o produto final o vinagre de cidra de maçã.

Fontes de vinagre destilado
A cidra de maçã com conteúdo alcoólico de 5 a 6% está pronta para a destilação (Jupiterimages/liquidlibrary/Getty Images)

Ácido acético

O ácido acético, que é o vinagre puro, pode ser destilado da glicose a partir de uma variedade enorme de fontes. De acordo com Nellie Byrd, sua avó fazia vinagre a partir de lavagens de caldas e frascos de geleia. Ela também diz que sua avó enxaguava potes vazios de caldas e geleias com uma pequena quantidade de água e colocava o líquido em jarras de 2 L, as quais ficavam cheias até a metade. A substância mãe seria formada na jarra e o vinagre filtrado.

Vinagre de malte

O processo de destilação do vinagre de malte começa com os grãos de molho. Muitos tipos de grãos são usados na criação desse tipo de vinagre, mas a cevada é o mais comum. Para fazer esse produto, os grãos são deixados de molho na água até que eles comecem a brotar, formando uma espécie de massa. A essa altura, os açúcares se desenvolvem e a massa está pronta para ser fermentada e destilada. Barris são parcialmente preenchidos, o que permite que o ar circule e as bactérias naturais do meio fermentem a massa, gerando o vinagre.

Fontes de vinagre destilado
Vinagre de malte é um condimento que geralmente acompanha o peixe com batatas (Ryan McVay/Stockbyte/Getty Images)

Vinagre balsâmico

A produção do vinagre balsâmico começou em Modena, Itália, onde as uvas eram cozidas, fermentadas e transformadas em um vinagre doce, rico e azedo. O vinagre balsâmico é envelhecido de modo similar ao vinho, sendo ele processado em barris de madeira, o que confere um sabor distinto ao vinagre. Durante a destilação, o vinagre balsâmico é transferido de um barril para outro, conforme a acidez do produto aumenta.

Fontes de vinagre destilado
Barris feito de diferentes tipos de madeira acrescentam um sabor particular ao vinagre balsâmico (NA/AbleStock.com/Getty Images)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível