×
Loading ...

O que é força motriz do próton?

Atualizado em 21 fevereiro, 2017

As células de seu corpo coletam energia das moléculas alimentares por meio de um processo chamado respiração celular. Parte desse processo envolve o bombeamento de prótons através de uma membrana para criar uma força motriz de prótons capaz de impulsionar a síntese de outro tipo de molécula.

Os prótons são partículas subatômicas encontradas no núcleo dos átomos (atome image by Jacques PALUT from Fotolia.com)

Características

O último estágio da respiração celular ocorre dentro de pequenos sacos envoltos encerrados em membranas chamados mitocôndrias. As proteínas incrustadas na membrana interna fazem parte de uma cadeia de transporte de elétrons; as moléculas chamadas NADH e FADH2 doam elétrons à cadeia, e cada proteína da cadeia passa elétrons para a proteína seguinte da cadeia, usando a energia liberada para bombear um íon hidrogênio através da membrana. Como os íons hidrogênio têm apenas um próton, cada um deles é essencialmente um próton solitário, embora em água realmente esses íons se liguem às moléculas de água para formar íons hidrônio (H3O+), em vez de permanecerem independentes.

Loading...

Efeitos

As moléculas e íons em solução se difundem ou se espalham de áreas de alta concentração para áreas de baixa concentração. Para ver esse princípio em ação, tente adicionar uma gota de corante alimentar a um copo de água; a cor se espalhará lentamente pelo copo. Pelo bombeamento de prótons (íons hidrogênio) através da membrana interna, a cadeia de transporte de elétrons cria um gradiente de concentração, em que os íons hidrogênio com carga positiva se concentram mais na parte externa da membrana do que na interna. Eles "querem" se difundir de volta, mas não conseguem atravessar a membrana. Essa diferença de concentração é chamada de força motriz do próton.

Função

As mitocôndrias usam a força motriz para sintetizar uma molécula chamada adenosina trifosfato ou ATP que suas células podem usar para dar início a outros processos. Uma proteína chamada ATP sintase está incrustada na membrana interna das mitocôndrias. Quando os íons hidrogênio se acumulam na parte externa da membrana interna, eles começam a fluir através de um conduto produzido pela ATP sintase.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...