Como funciona uma mira reticular?

Escrito por edwin thomas | Traduzido por ricardo guardati
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como funciona uma mira reticular?
Miras são dispositivos telescópicos (Wikimedia Commons)

O básico sobre a mira de um rifle

A forma básica da mira de um rifle é um telescópio simples de Galileu, com uma lente objetiva côncava e uma mira convexa. Estes artefatos ópticos reúnem e concentram a luz para ampliar uma imagem. As lentes de um rifle utilizam uma retícula ou "mira", como é mais comumente conhecida, para ajudar a acertar alvos. Lentes mais modernas têm ampliações ajustáveis, assim como compensação mecânica para problemas como o vento e a queda do projétil. Para atirar com precisão, um rifle deve estar devidamente alinhado usando um dispositivo chamado colimador.

Como funciona uma mira reticular?
Miras reticulares são artefatos para serem usados na caça (hunt image by Jasenka from Fotolia.com)

Princípios da medição de mira

Uma maneira de achar a distância em um campo é fazer uma estimativa usando um princípio simples: a maneira como o objeto parece maior ou menor é proporcional à distância. Se há um objeto no campo e pode ser feita uma estimativa grosseira quanto ao seu tamanho - tal como um poste de cerca ou haste do milho, então o seu tamanho aparente pode ser utilizado para fazer uma estimativa sobre a distância a que se encontra. As miras reticulares usam o mesmo princípio.

Miras reticulares

A primeira coisa a entender sobre miras reticulares é que todas têm uma configuração de ampliação única onde a retícula funciona. Miras militares possuem normalmente configurações x10, porém as civis têm outras configurações. As miras reticulares são inúteis, a menos que a ampliação esteja configurada corretamente. A retícula de medição terá marcas auxiliares, na forma de portinholas, barras ou ambos, que irão auxiliar o olho a fazer medições simples de tamanho. São sintonizadas com algo que pode ser facilmente encontrado pelo atirador e, geralmente, têm o mesmo tamanho aproximado. Muitas miras reticulares usam incrementos chamados "deer chest", por exemplo. Eles são dimensionados para o tamanho médio do peito de um veado. Comparando o número de marcas ou barras que o peito do veado ocupa na ampliação o atirador diz o quão longe está o alvo. Por exemplo, se o peito do veado ocupa uma barra e 1/4, está a cerca de 400 metros de distância. Se ele ocupa duas barras e meia, está a 200 metros.

Como funciona uma mira reticular?
O "deer chest" calcula a distância aproximada de um alvo (deer image by Henryk Olszewski from Fotolia.com)

Miras reticulares

A primeira coisa a entender sobre miras reticulares é que todas têm uma configuração de ampliação única onde a retícula funciona. Miras militares possuem normalmente configurações x10, porém as civis têm outras configurações. As miras reticulares são inúteis, a menos que a ampliação esteja configurada corretamente. A retícula de medição terá marcas auxiliares, na forma de portinholas, barras ou ambos, que irão auxiliar o olho a fazer medições simples de tamanho. São sintonizadas com algo que pode ser facilmente encontrado pelo atirador e, geralmente, têm o mesmo tamanho aproximado. Muitas miras reticulares usam incrementos chamados "deer chest", por exemplo. Eles são dimensionados para o tamanho médio do peito de um veado. Comparando o número de marcas ou barras que o peito do veado ocupa na ampliação o atirador diz o quão longe está o alvo. Por exemplo, se o peito do veado ocupa uma barra e 1/4, está a cerca de 400 metros de distância. Se ele ocupa duas barras e meia, está a 200 metros.

Como funciona uma mira reticular?
O "deer chest" calcula a distância aproximada de um alvo (deer image by Henryk Olszewski from Fotolia.com)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível