Como fazer gravações de 78 rpm tocarem bem em toca discos de 33 e 45 rpm?

Escrito por lori spencer | Traduzido por victor almeida
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como fazer gravações de 78 rpm tocarem bem em toca discos de 33 e 45 rpm?
Transferindo os seus discos antigos de 78 para o formato digital preserva os discos originais (Donna Day/Photodisc/Getty Images)

A maioria dos toca-discos do consumidor no mercado atual só vai rodar gravações de 45 e 33 rpm, deixando os fãs de 78 rpm sem uma maneira de ouvir suas coleções premiadas. É inteiramente possível gravar discos de 78 rpm em um formato digital, utilizando a velocidade de 45 RPM em sua plataforma giratória, em seguida, convertê-lo à velocidade correta usando um software de áudio. Softwares gratuitos como o Audacity e WavePad corrigem automaticamente a velocidade com apenas alguns cliques do mouse. A velocidade de conversão também pode ser ajustada manualmente para acomodar as gravações do início do século 20, que muitas vezes foram gravadas de 70 a 90 rpms.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Baixe e instale o programa de software de edição de áudio de sua escolha. Este tutorial irá focar no Audacity, embora a maioria dos programas de áudio tenha as mesmas funções básicas e comandos (consulte a seção Recursos para o download gratuito).

  2. 2

    Localize o arquivo de som da 78 que você gravou anteriormente a 45 rpm no disco rígido do seu computador ou unidade de CD. Carregue o arquivo de som na janela do editor Audacity clicando em "Open File".

  3. 3

    Selecione "equalização" do menu "Effect" e aplique o inverso da curva RIAA de reprodução.

  4. 4

    Selecione a faixa inteira clicando no "Painel de Controle Track." Clique em "Efeito", então "Change Speed".

  5. 5

    Escolha a velocidade em que a gravação foi tocada (neste caso, 45 rpm) em "From" na caixa suspensa.

  6. 6

    Selecione a velocidade de conversão no campo "To" na caixa suspensa. Verifique a gravação para determinar a velocidade correta, o que foi normalmente impresso em um ou em ambos os lados do disco.

  7. 7

    Clique em "Convert". Escute a canção e tenha certeza de que a velocidade está correta. Se não, repita os passos de quatro a seis, ajustando manualmente a velocidade de saída por graus até a velocidade de reprodução soar corretamente.

Dicas & Advertências

  • Se você deseja realizar tarefas de edição mais avançadas, esteja preparado para pagar por uma versão atualizada do software com mais funcionalidades e opções.
  • O passo dois é importante para uma transferência profissional de som, pois os toca discos mais modernos são projetados para tocar os discos da década de 1950 até o presente, aplicando um padrão conhecido como "RIAA reprodução e equalização" para o som. Como resultado, gravações de 78 rpm feitas antes de 1950 tocam erradas no toca disco mais recentes que tem a equalização RIAA.
  • Sempre reverta a equalização RIAA antes de alterar a velocidade para garantir uma transferência de "flat" limpo. Uma vez que a velocidade tenha sido convertida, você pode aplicar ou alterar o EQ, se desejar. Você também pode aplicar efeitos, reduzir pops e arranhões, aplicar filtros para se livrar do barulho e ruído, comprimir e normalizar a pista.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível