Guia para incubar ovos de codorna

Escrito por b. maté | Traduzido por luigi bahia
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Guia para incubar ovos de codorna
Ovos de codorna são reconhecidos por seus característicos pontinhos marrons (Jupiterimages/Goodshoot/Getty Images)

Há cerca de 20 espécies diferentes de codornas, distribuídas ao redor do mundo, desde as codornizes Norte americanas (Colinus virginianus) até a codorna japonesa (Coturnix japonica). Aparentado do faisão, os ovos do pássaro de médio porte são muitas vezes castanhos claros e salpicados com manchas marrom-escuras. Ovos fertilizados podem ser comprados a partir de uma incubadora, e depois de um processo de incubação de 17 a 21 dias, filhotes de codorna vão nascer dos ovos.

Outras pessoas estão lendo

Incubadora

Antes que os ovos fertilizados sejam adquiridos, você deve comprar ou construir uma incubadora para recriar o ambiente de um ninho da mamãe codorna. Algumas pessoas preferem ir a uma loja e comprar uma incubadora "faz-tudo", que permite aos criadores regular a umidade e a temperatura facilmente. Outros preferem construir uma incubadora a partir do zero, o que muitas vezes é uma grande caixa de isopor ou caixa térmica (cerca de 50 por 30 por 35 centímetros), equipada com uma bacia de água, um ventilador, placa térmica com termostato, um termômetro e uma bandeja para os ovos fertilizados.

Temperatura

Ao iniciar o processo de incubação, a temperatura é crucial e geralmente é definida e estabilizada pelo menos três dias antes da introdução dos ovos na incubadora. Se você estiver fazendo sua própria incubadora, ajuste a fonte de aquecimento para gerar uma temperatura de 37,7 º C, que é ótima para incubação. Mantenha um termômetro na incubadora, para assegurar que o nível de calor permaneça constante enquanto os embriões estiverem se desenvolvendo. Adicionar um pequeno ventilador irá promover a circulação do ar quente.

Umidificação

A umidade é importante para o processo de incubação, uma vez que ajuda a manter os ovos e suas cascas hidratados. A água representa cerca de 68,25 por cento da massa total dos ovos antes do período de incubação, de acordo com o estudo "Efeito da umidade relativa na incubação de ovos de codornas japonesas", o que protege o embrião da dessecação durante as fases do desenvolvimento. Além disso, a umidade é útil durante a eclosão, pois a casca hidratada é mais fácil de ser rompida pelas jovens codornas. Portanto, de 250 a 350 ml de água são comumente adicionados ao microhabitat em um recipiente aberto para garantir que os ovos se mantenham hidratados.

Monitoramento

Durante o período de incubação, vire os ovos três vezes ao dia, para se certificar de que a gema ou o embrião não se assentem em uma posição. Algumas incubadoras são equipadas com um mecanismo de oscilação, mas para incubadoras caseiras, os ovos podem precisar ser virados manualmente.

O desenvolvimento dos embriões pode ser monitorizado utilizando um dispositivo de transiluminação, que consiste numa lâmpada que produz um raio de luz concentrado, permitindo que o conteúdo do ovo se torne visível. O embrião fertilizado deve ser visível após seis dias.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível