Como identificar a dilatação cervical

Escrito por ashlee simmons | Traduzido por fernanda lemi
Como identificar a dilatação cervical

Um exame vaginal informa ao médico em qual estágio está o cérvix, quanta obliteração ocorreu (o colo do útero torna-se mais fino) e o quão dilatado encontra-se

pancia image by CORRADO RIVA from Fotolia.com

A dilatação cervical ocorre durante a gravidez e pode ser causada pelo peso do feto em desenvolvimento, condição chamada de incompetência istmocervical. A pressão do feto força o músculo, enfraquecendo-o e abrindo-o. O cérvix também se abre durante um parto normal. Quando ele começa a se abrir, é chamado de dilatação. Durante o parto e o nascimento subsequente de um bebê, o cérvix dilata conforme a cabeça da criança faz pressão contra ele. Para identificar se o cérvix está dilatando e de quanto é essa dilatação, um médico ou enfermeira examina a paciente. Um exame vaginal informa ao médico em qual estágio está o cérvix, quanta obliteração ocorreu (o colo do útero torna-se mais fino) e o quão dilatado encontra-se.

Nível de dificuldade:
Moderadamente desafiante

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Saiba os sintomas. Se você está grávida, você pode sofrer um episódio de sangramento ou desprendimento do tampão mucoso quando o cérvix dilata. Isso significa que você verá manchas de sangue e liberação de um pouco de muco. Isso não deve ser confundido com sangramento vaginal, que é mais pesado e parecido com menstruação. O episódio de sangramento será de coloração rosa e clara, e será somente em pequena quantidade. O tampão mucoso é o que sela o cérvix durante sua gravidez. Perder o tampão pode ser a primeira indicação de que você vai entrar em trabalho de parto. Algumas mulheres também sentem cólicas vaginais e pressão pélvica conforme o cérvix se abre.

  2. 2

    Entre em contato com seu médico para que ele faça um exame pélvico para avaliar sua situação. Durante este exame, o cérvix é sentido para determinar quanta obliteração ocorreu e o quanto o cérvix se abriu. Existe um sistema gradual para isso: o cérvix é obliterado de 0% (nada) a 100% (completamente fino). Tipicamente, ele começa a obliterar algumas semanas antes do nascimento do bebê. A dilatação cervical também pode começar nesta época e é graduada pelo número de dedos que o médico consegue inserir na abertura. Um dedo significa que o processo de parto pode iniciar dentro de uma ou duas semanas; cinco dedos, que a dilatação está na metade e, o parto, perto de ocorrer; mais de cinco dedos significa que o parto já está em curso e o nascimento do bebê é iminente.

  3. 3

    Entenda sintomas anormais. Se você não está além de 38 semanas de sua gravidez e você está sentindo pressão pélvica, cólicas ou sangramentos vaginais, contate seu médico imediatamente. Você pode estar em trabalho de parto prematuro. Neste caso, você e seu bebê precisam de atenção médica imediata.

  4. 4

    Comunique-se com profissionais da assistência médica. Somente um exame pélvico dirá se o seu cérvix está dilatando. Não existe outra maneira de se determinar seu estado sem este exame específico.

Dicas & Advertências

  • Consulte seu médico para tirar quaisquer dúvidas ou preocupações que você tenha.
  • Sangramento vaginal com coloração vermelha viva, que não está relacionada com um ciclo menstrual, é um sinal de alerta. Veja seu médico assim que possível, se você tiver esse sintoma.

Não deixe de ver

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media