Como mixar o vocal principal

Escrito por ehow contributor | Traduzido por rafael reis
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como mixar o vocal principal
Faça a mixagem do vocal principal

É comum receber um projeto onde a maior parte do material foi gravado no estúdio caseiro de alguém. A tecnologia digital tem feito melhorias enormes e tem se tornado prontamente disponível e a um preço acessível. Muito artistas conhecidos dependem desta tecnologia porque ela dá a eles a conveniência de trabalhar em casa. No entanto, esses métodos representam a possibilidade de uma engenharia de qualidade inferior. Algumas poucas técnicas podem salvar um grande vocalista que talvez sofra com questões sonoras ou torná-lo ainda melhor.

Nível de dificuldade:
Desafiante

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Sistema de gravação ProTools HD ou LE
  • Plug-ins de equalização e compressão
  • Computador adequado para mixagem

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Procure primeiramente uma equalização para sintonizar ou remover frequências indesejáveis da pista de voz. Se o vocal foi gravado em um quarto pequeno, como um closet, ele vai inerentemente soar "encaixotado" ou desigual. Se você remover uma razoável quantidade de 100Hz a voz irá se tornar menos grave e as frequências mais altas vão aparecer. Se o vocal soar um pouco embaçado, mova para a direita acima da frequência de 300Hz. Isto soa de forma similar a jogar uma toalha sobre os auto-falantes. Retire uma pequena quantia dessa frequência para fazer com que a letra soe mais compreensível. Depois, vá até o registro superior e o levante até aproximadamente 8k.

  2. 2

    Procure em seguida pelo seu compressor, que é o próximo processador da cadeia. O compressor tornará mais altas as passagens mais suaves enquanto retém um nível relativo geral para os picos mais altos. A quantidade de processamento depende exclusivamente do material fonte e irá variar de música pra música. Não existe nenhum método único que sirva para todos os casos. Você pode tentar a compressão serial no vocal principal. A compressão serial é um processo que consiste em adicionar múltiplos compressores em série. Como um exemplo, digamos que você tenha um vocal de rock muito dinâmico dentro de uma mistura densa e você quer que o vocal esteja bem presente e tenha impacto. Comece inserindo um UAD 1176 com uma proporção de 8-12:1. Use um attack rápido, release médio e 3 dB de redução. Se você é do tipo aventureiro, tente o modo "all button in". Acrescente a isso um UAD LA2A com, digamos, 3 dB de redução. Nesse ponto, o vocal está muito bem colocado e não irá a lugar algum. Envie tudo para um gnarly Waves L1 para lidar com os picos. Ele só irá reagir a passagens muito altas.

  3. 3

    Evite usar reverbs quanto se trata de adicionar efeitos espaciais. Ao invés disso, use delays bem curtos sem eco residual e pitch shifting estéreo. Os versos são tipicamente bastante secos em uma mixagem pop. Dependendo da canção, você pode adicionar um pouco de "plate reverb", mas não faça isso com frequência.

Dicas & Advertências

  • Seja aventureiro. A arte de mixar provê muita diversão e vai te permitir "tropeçar" em técnicas novas. Novamente, não existe um método que funciona bem pra tudo. Existem muitas variáveis. Divirta-se!
  • Fique atento quanto à multiplicação de compressão. Isto significa que se você aplica um compressor com uma proporção de 4:1 e então usa outro a 4:1, em seguida outro a 3:1 e então outro a 2:1, o resultado será uma proporção combinada de 96:1.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível