Moda inglesa masculina no século XIX

Escrito por frank b. chavez iii | Traduzido por leticia vitória
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Moda inglesa masculina no século XIX
Ao longo do século 19, as calças curtas foram aposentadas e substituídas por calças sociais como as que conhecemos hoje (Thinkstock Images/Comstock/Getty Images)

Durante o século XIX, os costumes sociais ditavam que os homens não deveriam se preocupar com a moda. Ao longo do século, um visual mais polido e de bom estado substituiu a moda extravagante do século XVII. As regras rígidas não escritas controlavam o que um homem vestia.

Outras pessoas estão lendo

Primeiras tendências

Os casacos acabavam em longas caudas nas costas, mas tinham um corte curto na frente, revelando um colete curto. As calças foram gradualmente substituindo os calções que vinham até o joelho. O chapéu alto usado no final do século XVII acabou virando a cartola no século XIX.

Metade do século

Em meados da metade do século, o casaco de cauda longa foi substituído por um casaco justo, de corte quadrado e com uma sobrecasaca que ia até os joelhos. As calças compridas substituíram completamente as curtas, e as camisas tinham colarinhos altos e rígidos. Em 1837, o capitão da "H.M.S 'Blazer'" apresentou uma jaqueta curta e trespassada que logo virou moda entre os civis como uma jaqueta esportiva para velejar e jogar tênis.

Final do século 19

Nos anos 1860 aparece um estilo com uma jaqueta de lã curta chamada de "sack coat" (casaco saco). Os costumes sociais ditavam que só era apropriado usá-lo em situações de lazer. No entanto, perto do final do século, os jovens estavam usando o "sack coat" com calças e coletes combinando, os precursores do terno do século XX.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível