Como a obesidade causa a diabetes

Escrito por julia michelle | Traduzido por ágata erhart
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como a obesidade causa a diabetes
A obesidade aumenta o risco de diabetes (George Doyle/Stockbyte/Getty Images)

Outras pessoas estão lendo

Entendendo a diabetes

Quando comemos, o pâncreas libera insulina, que fica nos receptores das células, permitindo que o açúcar entre nas mesmas para ser transformado em energia. A diabetes mellitus é uma condição em que as células não conseguem usar a insulina para converter o açúcar em energia, então ele permanece na corrente sanguínea. Existem três tipos de diabetes: A tipo1, a tipo 2 e a gestacional. A tipo 1 não está ligada à obesidade e ocorre quando as células do pâncreas param de produzir insulina. A tipo 2 e a gestacional são condições em que o corpo produz insulina, porém, os receptores não respondem de acordo. A diabetes gestacional está ligada às mudanças hormonais durante a gravidez e a tipo 2 está ligada à obesidade. A ciência médica não tem certeza de como a obesidade causa a diabetes tipo 2, porém, existem várias teorias.

Tensão do RE e sobrenutrição

O retículo endoplasmático (RE) é uma membrana específica, dentro da célula, que sintetiza as proteínas e processa gordura. A sobrenutrição é um estado em que o corpo tem mais calorias e gordura do que podem ser processadas por vez. Quando o corpo entra nesse estado, isso coloca tensão sobre o RE, fazendo os receptores de insulina pararem de responder ao mesmo. Reduzir os receptores temporariamente permite que o RE supere o excesso de trabalho. Se o corpo entra repetidas vezes em estado de sobrenutrição, o RE continua mandando o sinal para os receptores de insulina. Com o tempo, o corpo não vai mais responder à insulina.

Supressão de SRI

Substratos do receptor de insulina (SRI) são proteínas, dentro da célula, que ficam encostadas nos receptores de insulina. Quando a insulina ativa os receptores, eles liberam químicos no SRI, fazendo com que eles ativem os transportadores de glicose dentro das células. Em estudos com camundongos, cientistas inutilizaram a função do SRI, o que resultou em diabetes tipo 2. Enquanto em estudos com seres humanos a diabetes tipo 2 hereditária não mostrou anormalidade nos genes SRI, cientistas acreditam que a ligação entre obesidade e a função SRI debilitada esteja em um hormônio chamado resistina.

Resistina

A resistina é produzida por células de gordura e faz com que o corpo resista à insulina. Acredita-se que a produção de resistina é uma resposta à fome, permitindo que o corpo sobreviva conservando energia. Em estudos laboratoriais, camundongos que receberam resistina perderam a habilidade de transportar a glicose. Altos níveis de resistina também foram encontrados em camundongos que eram obesos de tanto comerem. Nos que receberam a resistina, drogas que reduziam o nível desse hormônio reverteram o efeito e eles se tornaram capazes de transportar a glicose.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível