Como prevenir pedras e cristais na bexiga canina

Escrito por adrienne warber | Traduzido por marina villar
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como prevenir pedras e cristais na bexiga canina
Cuidados específicos podem assegurar que as pedras na bexiga não voltem (Ablestock.com/AbleStock.com/Getty Images)

Uma dia, você encontra seu cão, treinado para urinar em locais específicos, urinando no carpete. Você o repreende e o leva para fora e nota que ele se agacha mais do que o normal e sua urina contém sangue. Alarmado, você o leva ao veterinário. Uma infecção e cristais na bexiga são diagnosticados. Quatro semanas depois de dois ciclos de antibióticos, a infecção na bexiga e os cristais ainda estão presentes. O veterinário faz um ultrassom e encontra pedras na bexiga. Medicação, uma dieta especial e cirurgia removem as pedras e os cristais. Agora, você quer encontrar maneiras de prevenir que isso ocorra novamente. Uma combinação de nutrição e cuidados pode prevenir a formação de cristais e pedras na bexiga.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Plano de dieta recomendado pelo veterinário
  • Tratamento com antibiótico (em alguns casos)
  • Água
  • Suplementos de vitaminas B e C
  • Suco de arando
  • Óleo de salmão

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Peça ao veterinário para receitar um plano de dieta para prevenir cristais e pedras na bexiga. Existem inúmeros tipos de pedras na bexiga e cada um requer uma dieta preventiva diferente. Se seu cão já teve pedras na bexiga, o veterinário dará uma dieta preventiva baseada no tipo específico de pedra que ele teve. Muitas prescrições dessas dietas envolvem ingerir níveis baixos de proteína e evitar certos minerais.

  2. 2

    Coloque seu cão em um tratamento com antibióticos a longo prazo se recomendado pelo veterinário. Se as pedras e os cristais da bexiga forem causados por infecção, um tratamento com antibióticos pode prevenir a recorrência.

  3. 3

    Forneça bastante água fresca ao seu cão. Ele precisa beber água suficiente para manter sua urina com um pH saudável. Uma urina muito alcalina leva à formação de pedras e cristais. Mantenha a tigela de água do seu cão sempre cheia e acessível.

  4. 4

    Teste a água para saber se há uma concentração alta de minerais que agravam a formação de pedras. Se uma concentração alta for confirmada, dê ao seu cão água engarrafada para beber em vez de água de torneira.

  5. 5

    Misture comida enlatada na ração do cão para adicionar mais água à dieta dele.

  6. 6

    Ande com o cão para que ele possa urinar frequentemente a fim de prevenir o acúmulo de bactérias na bexiga. Nunca deixe o cão mais de oito horas sem uma oportunidade para urinar.

  7. 7

    Faça exames de urina no seu cão periodicamente para verificar infecções. Se a infecção na bexiga causar cristais e pedras, você deve pedir ao veterinário para verificar se haverá recorrência dessa infecção. Você quer que a infecção seja diagnosticada precocemente para evitar a formação de cristais. Já que eles formam as pedras, eliminá-los também previne o problema.

  8. 8

    Dê ao seu cão suplementos vitamínicos se seu veterinário permitir. As vitaminas B e C podem ajudar a dissolver as pedras e evitar que cristais se formem. Pergunte ao veterinário se seu cão pode se beneficiar de suplementos vitamínicos para prevenir os cristais e pedras na bexiga.

  9. 9

    Use suco de arando para manter a bexiga saudável. Misture um copo de suco de arando na comida do cão ou ofereça o suco para o cão beber em pequenas doses. Esse suco ajuda a acidificar a urina do animal contra as bactérias e doenças que podem auxiliar na formação de cristais e pedras. Obtenha a aprovação do veterinário para adicionar o suco de arando à dieta do cão, especialmente se o animal estiver em um plano de dieta prescrito.

  10. 10

    Adicione óleo de salmão à dieta do cão. Coloque uma colher de sopa de óleo de salmão na comida do cão uma vez por semana para ajudá-lo a lutar contra a inflamação e fortalecer o sistema imunológico dele. Verifique com o veterinário para ter certeza que o óleo de salmão não entrará em conflito com a alimentação ou medicação do cão.

Dicas & Advertências

  • Coloque as tigelas de água por toda a casa para ter certeza que seu cão tem várias oportunidades para se hidratar. Cães que bebem menos água tendem a ter cristais e pedras.
  • Tente andar com seu cão pelo menos a cada quatro horas, se possível. Pouca micção contribui para a formação de cristais e pedras na bexiga. Se você trabalha por oito horas, tente encontrar um vizinho disponível para caminhar com seu cão no meio do dia.
  • Considere uma dieta feita em casa se o animal sofre com repetidos episódios de pedras e cristais na bexiga. Peça ao veterinário recomendações de como prover uma nutrição caseira que seja compatível com as necessidades especiais do cão.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível