Como projetar um muro de vidro

Escrito por cj cooper | Traduzido por andré schwarz
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como projetar um muro de vidro
Vidros podem prover iluminação e beleza a um ambiente (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

Um pouco de tempo, pesquisa e papel milimetrado bastam para se projetar um muro capaz de melhorar a vista e aumentar a entrada de luz em um ambiente. Ele irá também fazer o cômodo parecer maior e eliminar a barreira visual das paredes comuns.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Fita métrica de 75 cm
  • Papel milimetrado de 5 mm
  • Cartolina
  • Régua

Lista completaMinimizar

Instruções

    Projetando o muro de vidro

  1. 1

    Cheque a legislação municipal para a construção civil antes de começar seu projeto. Pode ser necessário seguir certos procedimentos e estar atento a algumas restrições.

  2. 2

    Pense na economia de energia. Janelas ou portas de vidro com isolamento térmico facilitam o projeto e fornecem um produto final bonito, flexível e econômico.

  3. 3

    Reveja as regras de seu condomínio para ver que tipo de alterações você pode fazer em sua casa.

    Se as restrições não existem, ou não se aplicam, o estilo das portas e janelas a serem instaladas terá de combinar com o estilo arquitetônico de seu lar e a aparência das portas e janelas já instaladas. A fluidez de estilo fará do projeto um diferencial para sua casa.

  4. 4

    Com a legislação local e regras de condomínio em mente, encontre os produtos adequados para levar adiante seu projeto. Os fabricantes deixam catálogos e panfletos à disposição nas lojas onde seus produtos são vendidos, e eles também podem ser requisitados pela internet.

  5. 5

    Com as medidas da altura e largura do muro em mente, faça um desenho bidimensional de seu projeto. Isso será mais fácil com papel milimetrado e utilizando uma escala de 10 cm por metro. Dassa forma, uma construção de 4 m de extensão e 3 m de altura passará a ter 40 x 30 cm. Faça quatro cópias para esboçar a altura e outras tantas para o perfil externo.

  6. 6

    Ao esboçar a altura, considere os dispositivos internos, como tomadas, interruptores e painéis de ventilação, que terão de ser mantidos ou realocados, e também os códigos locais. Se eles, por exemplo, exigirem uma travessa de 30 cm na parte de cima das janelas, esse espaço deverá ser levado em consideração ao esboçar o suporte estrutural do telhado.

  7. 7

    Em uma cópia reversa do esboço, preste atenção a elementos externos como árvores e plantas que você não quer realocar.

  8. 8

    Use cartolina para fazer dois modelos em escala de cada produto selecionado do catálogo dos fabricantes. Uma janela de 90 cm de largura e 2,5 m de altura tem 0,09 x 0,25 cm no projeto. Anote em cada modelo o nome do fabricante e o número do produto.

  9. 9

    O principal objetivo ao organizar e reorganizar os modelos é a simetria. Se, em um lado houver uma janela de 60 cm, deverá existir outra igual no outro. Se houver uma sacada dupla no meio, a parte à direita da porta deverá espelhar a parte à esquerda.

    Além da simetria, tenha em mente também a visão que o projeto irá proporcionar: estruturas necessárias como vigas e decorações como molduras de janela e tapeçarias não deverão atrapalhar a vista do pôr do sol.

    Conforme cria o projeto, desenhe modelos em seu esboço. Anote se espaços entre janelas serão preenchidos com materiais de moldagem ou de parede, e anote no verso a quantidade de cada material necessário, bem como o nome do fabricante e número do produto. Essa informação poderá ser útil para formular sua lista de compras.

  10. 10

    Reveja seus dois projetos favoritos, do lado de fora de sua casa, antes de fazer a escolha definitiva. Isso irá ajudar a analisar como seu muro de vidro irá interagir com o resto da casa e a fazer sua escolha.

Dicas & Advertências

  • O desenho e projeto do muro é relativamente fácil, mas a construção requer mão de obra profissional. Não é uma empreitada a ser levada adiante por conta própria, a não ser que você conte com pelo menos a mesma expertise dos profissionais de construção civil. Ademais, é importante consultar um arquiteto, para que ele faça plantas funcionais antes de começar a construção.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível