Como fazer seu próprio teste de QI

Escrito por jeffrey norman | Traduzido por wladimir d. uszacki
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como fazer seu próprio teste de QI
Você pode criar um teste de QI para qualquer área que conheça bem (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

Verificar o QI, ou quociente de inteligência, é um método clássico e formal de avaliar a aptidão intelectual. Mesmo que a inteligência seja relativa e subjetiva, ter um QI alto pode resultar em sensações de orgulho e confiança. Você pode criar o seu próprio exame para testar um tipo de conhecimento específico. Testes de QI foram desenvolvidos primeiramente para crianças na França, mas seu teste personalizado pode ser feito para qualquer grupo de idade.

Nível de dificuldade:
Moderadamente desafiante

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Decida que tipo de conhecimento gostaria que seu teste de QI avaliasse. Eles foram criados pelo psicólogo francês Alfred Binet para medir o intelecto das crianças. Como a inteligência é subjetiva, seu teste pode avaliar qualquer tipo de conhecimento que quiser, desde matemática até história da arte.

  2. 2

    Pesquise exaustivamente por textos acadêmicos e outras fontes para questões possíveis para o teste. Ele deve exibir uma vasta gama de conhecimento, de conceitos que qualquer um possa entender a ideias que são raramente encontradas ou altamente avançadas. Pesquise nos textos e livros mais completos que encontrar por um certo tema, e estude-o rigorosamente como fonte de material para as questões.

  3. 3

    Desenvolva seu exame. Novamente, você deve buscar por uma seleção diversa de questões. Problemas de palavras, identificação de fotos e analogias podem servir como tipos de questões, do mesmo modo que as de múltipla escolha. Deve haver um balanço entre perguntas simples e difíceis. Mantenha um registro das questões corretas enquanto as inclui no exame.

  4. 4

    Determine a pontuação para seu teste específico de QI. A maioria deles avalia a pontuação em termos de porcentagens; 50% dos examinados têm resultados medianos e 2,2% têm pontuação ou muito alta ou muito baixa. Para o seu exame, você pode modificar essas estatísticas para contabilizar o tipo de conhecimento específico que ele avalia.

Dicas & Advertências

  • Escolha um tema no qual se considere altamente experiente para seu teste. Como é você quem escolhe e organiza o exame, deve ter a confiança de que as questões e respostas que escolheu são relevantes e corretas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível