Educação e ciência

Quais são os perigos de esterilizadores a gás?

Escrito por robert miller | Traduzido por pablo souza
Quais são os perigos de esterilizadores a gás?

Os esterilizantes a gás são usados quando os instrumentos são suscetíveis ao calor e à umidade

Pixland/Pixland/Getty Images

A esterilização de instrumentos médicos é vital para a indústria da saúde. Ela para a propagação de doenças, evita infecções e outros riscos à saúde. A maioria dos equipamentos médicos não é afetada pelo calor e pela umidade, então eles podem ser esterilizados usando vapor. Alguns ficam danificados e perdem a utilidade quando expostos a esses fatores. Em casos assim, os profissionais usam esterilizantes químicos ou a gás ao invés do vapor. O óxido de etileno é a escolha de gás mais popular. Ele penetra nos pacotes de esterilização dos instrumentos e é compatível com a maioria dos materiais dos dispositivos médicos. Ele é bastante eficiente como esterilizante e também é muito perigoso, trata-se de um gás tóxico para os humanos e é conhecido como um cancerígeno.

Outras pessoas estão lendo

Tóxico e cancerígeno

O óxido de etileno é um esterilizante muito efetivo. Ele foi projetado para matar todas as vidas e não diferencia entre a vida dentro e fora do esterilizante. Ele pode ser liberado por erro humano, falha mecânica ou instalação equivocada do equipamento. Caso isso ocorra, ele é tóxico aos humanos em baixa concentração. A inalação causa dores de cabeça, náusea, dificuldades de respiração e inflamação da pele. O gás também é conhecido como cancerígeno e uma concentração de inalação alta pode causar câncer, alteração cromossômica e problemas de reprodução. Testes regulares para verificar a segurança do esterilizante são essenciais para evitar potenciais riscos à saúde.

Inflamável

O óxido de etileno é inflamável. Mesmo quando os operadores seguem todos os procedimentos da esterilização a gás, as máquinas podem falhar e vazar. A solução desse gás usada nos esterilizantes pode ser incendiada por uma carga estática. Também pode ocorrer decomposição explosiva. Quando misturado com o ar, o óxido de etileno possui uma energia mínima de ignição extremamente baixa e incendeia facilmente. Mantenha a máquina de esterilização a gás e o suprimento de gás em uma área longe de ameaças de ignição por motivos de segurança.

Aviso de mau odor

Você pode sentir o cheiro do óxido de etileno. O olfato humano não detecta o odor do gás até que o nível da substância no cômodo tenha chegado a níveis tóxicos. O limiar de odor, ou o ponto em que você pode sentir o cheiro do gás, é mais do que 400 vezes o nível que causará câncer e problemas reprodutivos. No momento em que você sentir o cheiro do gás, ele já atingiu níveis em seu sistema que podem causar problemas de saúde.

Contém clorofluorcarbonos

O óxido de etileno contém CFCs. Por ser extremamente inflamável como um gás autônomo, para reduzir esse risco e tornar seu uso mais seguro no ambiente médico, os fabricantes adicionam clorofluorcarbonos, ou CFCs, no gás. Os CFCs danificam a camada de ozônio na atmosfera terrestre. A camada ajuda a proteger as pessoas do dano dos raios ultravioletas do sol, portanto o óxido de etileno pode danificar o ambiente terrestre.

Mais galerias de fotos

Comentários

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media