Mais
×

Quais são os produtos iniciais e finais da fotossíntese?

Atualizado em 21 novembro, 2016

O processo que as plantas usam para converter a energia da luz solar em energia química armazenada como açúcar na sua folha, é conhecido como fotossíntese. Água e dióxido de carbono são as matérias-primas necessárias para a iniciação do processo e açúcar e oxigênio são os produtos finais.

O oxigênio e o dióxido de carbono saem e entram na folha através de pequenas aberturas ou estômatos (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

Água e dióxido de carbono

As raízes de uma planta extraem a água por meio do xilema, células altamente especializadas. O gás pode entrar e sair das folhas através dos estômatos ou de pequenas aberturas. A superfície de uma folha é demasiadamente cerosa para que o dióxido de carbono passe através dela, mas ele também pode entrar através do estomas. Cada estoma tem duas células guardiãs ao lado. O oxigênio produzido durante a fotossíntese sai da folha através dos estômatos abertos. A troca de gases para dentro e para fora das folhas resulta em uma perda de água da folha, e a planta deve absorver mais umidade para evitar a desidratação.

Estrutura da folha

A fotossíntese ocorre nas folhas das plantas. A epiderme, a camada exterior da folha, protege-a. Como nem as células epidérmicas inferiores ou superiores da folha contêm cloroplastos, não há fotossíntese. Pelo contrário, é no mesófilo, que é rico em cloroplastos, onde ocorre a reação. Os cloroplastos contêm clorofila, um pigmento verde necessário para a ocorrência da fotossíntese. As veias da folha são também conhecidas como feixes vasculares. Elas transportam nutrientes e água para onde há necessidade.

Fotossíntese

A fotossíntese pode ser dividida em duas partes. A primeira parte é a reação de luz que ocorre na membrana de tilacoide. Ela envolve a conversão da energia da luz em energia química. Essa parte da reação tem que ocorrer durante o dia, quando há luz. A clorofila e um certo número de pigmentos são parte dessa reação luz. A energia adquirida durante a reação luz forma ATP (trifosfato de adenosina), que é um composto químico que as células utilizam para armazenar energia. A segunda parte da fotossíntese é chamada de reação escura. Ela ocorre dentro do cloroplasto onde o dióxido de carbono é convertido em açúcar. Uma parte essencial da reação escura é o ciclo Clavin, que utiliza a energia criada a partir da ATP na reação luz.

Oxigênio e açúcar

A reação química que ocorre durante a fotossíntese resulta na produção de açúcar e oxigênio. O oxigênio é vital para a nossa sobrevivência; precisamos dele para respirar. A equação que descreve a fotossíntese é escrita como: 6H2O + 6CO2 C6H12O6 + 6O2. Essencialmente, seis moléculas de água se juntam com seis moléculas de dióxido de carbono para criar uma molécula de açúcar e liberar seis moléculas de oxigênio.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article