Quantas horas por noite adolescentes devem dormir?

Escrito por anthony diaz de la vega | Traduzido por eduardo levy
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quantas horas por noite adolescentes devem dormir?
Os adolescentes têm necessidade de sono diferenciadas (Adequate sleep is especially important for adolescents' growing bodies; pedrosimoes7: Flickr)

Dormir o número necessário de horas por noite é importante para pessoas de todas as idades, mas durante a adolescência mudanças na química corporal causam alterações nos padrões de sono. O que pode parecer às mães um adolescente preguiçoso, é na verdade um indivíduo cujo relógio biológico está em descompasso com os compromissos diários.

Outras pessoas estão lendo

Necessidade de sono

Nos mamíferos, há um hormônio (um mensageiro químico liberado pela glândula pituitária) chamado melatonina que regula os ciclos diários de sono e é liberado por volta do pôr do sol nos adultos. Nos adolescentes, no entanto, o relógio biológico é lento, e a melatonina não é liberada antes de tarde da noite. Isso significa que mesmo que tenham acordado cedo e passado o dia realizando atividades, alguns adolescentes não ficam fisiologicamente cansados antes da meia-noite. O Dr. William C. Dement, da Universidade de Stanford, afirma que na média ,os adolescentes precisam de cerca de nove horas e meia de sono por noite, enquanto os adultos precisam de cerca de oito.

Hábitos de sono dos adolescentes

De acordo com uma pesquisa da Fundação Nacional do Sono dos Estados Unidos, cerca de 85% dos adolescentes não dormem o suficiente nos dias em que há escola. Muitos desses adolescentes tentam compensar a carência de sono dormindo até tarde no sábado e no domingo. Um grande indicador de privação de sono é sentir-se cansado no meio do dia, depois do almoço; qualquer estudante que tenha sentido vontade de dormir por volta da uma hora da tarde pode atestar isso. A carência de sono contínua pode levar a irritabilidade, manhãs difíceis e baixo rendimento na escola, além de sonolência durante a aula.

Benefícios do sono

O sono se relaciona profundamente ao processo de aprendizagem, permitindo que o cérebro assimile novas informações. Além disso, a falta de sono prejudica o rendimento individual em tarefas cognitivas como dirigir e fazer testes. De acordo com o Departamento de Medicina do Sono da Harvard Medical School, "a concentração, a memória de trabalho, a capacidade matemática e o raciocínio lógico são funções cognitivas que são comprometidas pela falta de sono". Também menciona-se que a área do cérebro responsável por raciocínios complexos e pelo pensamento lógico é especialmente suscetível à privação de sono.

Considerações

Ao lidar com um padrão de sono imprevisível do adolescente, lembre-se de que o corpo de cada pessoa é diferente. Enquanto oito horas podem ser tudo o que algumas pessoas precisam para funcionar em perfeita capacidade, outros adolescentes, se dormirem só isso, não conseguirão levantar da cama. Experimente diferentes padrões de sono e preste atenção em qual deles lhe deixa mais descansado. Além disso, cochilar durante o dia pode ajudar os estudantes a se recuperarem da carência de sono. Tente colocar cochilos curtos (mais ou menos 30 minutos) na sua rotina, logo depois da aula ou antes de praticar esportes.

Dicas para um sono saudável

O mais importante aspecto de um sono saudável é fazer um plano e segui-lo até que se torne um hábito. Além disso, tente dormir e acordar cedo, pois assim as manhãs serão mais produtivas e seu corpo se beneficiará mais do descanso de toda a noite. Tente evitar refeições pesadas e gordurosas antes de dormir, comendo, ao contrário, um lanche leve como um pudim ou um iogurte.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível