on-load-remove-class="default-font">
×
Loading ...

Como remover paredes divisórias de casa

Atualizado em 21 fevereiro, 2017

Paredes divisórias de interior são feitas para separar grandes ambientes em espaços menores. Essas paredes não têm relação de suporte com a casa e nem suportam nenhum peso a mais do que o seu próprio, podendo ser removidas, se necessário. Retirar essas paredes é um trabalho sujo, mas rápido, e que não necessita de ferramentas complexas. É tão simples que pode ser feito sem danificar qualquer outra parede da casa.

Instruções

Um martelo e um serrote são ferramentas essenciais para o trabalho (Jupiterimages/liquidlibrary/Getty Images)
  1. Desligue o disjuntor responsável pela eletricidade do ambiente em que a parede será removida. Cubra as portas e os corredores próximos ao local, para evitar que a poeira se espalhe pela casa. Retire qualquer móvel ou tapete da sala ou cubra-os com plástico. Abra as janelas para permitir uma ventilação melhor. Coloque as luvas, os óculos e a máscara de proteção e mão na massa!

    Loading...
  2. Com o pé de cabra, retire os pregos que fixam a tábua de base da parede. Deslize o pé de cabra sobre ela e aplique força para erguê-la. Retire a tábua completamente movendo-a para cima e para baixo nos locais em que estiver pregada. Repita o processo em qualquer moldura superior que esteja fixando à parede.

  3. Isole a divisória de outras paredes próximas ou do teto para realizar uma remoção mais suave, colocando fita adesiva, com a ajuda do canivete, por todos os cantos da divisória. Faça isso várias vezes, o quanto for necessário, para cobrir qualquer encontro da divisória com tinta ou papel de parede.

  4. Rompa o topo e os lados da parede de gesso que encobre a divisória, usando o martelo. Crie fendas de 5 cm a 8 cm de largura com a cabeça do martelo e retire o gesso usando essas fendas como alavanca. A parede de gesso deverá cair em grandes pedaços. Repita o processo até retirar todo o material de gesso que esteja fixado.

  5. Retire as paredes de gesso do outro lado da divisória e, após terminado ter tudo que deverá restar, os suportes segurarão as divisórias.

  6. Procure por qualquer cabeamento elétrico ou tubulação que corra pela área recém-aberta. Se houver qualquer um dos dois, chame um profissional, eletricista ou encanador, para reposicionar as conexões e, então, poderá continuar o trabalho.

  7. Verifique ambos os suportes que fixam a divisória, tanto no teto como no chão, e determine como estão fixados. Remova-os de acordo com o método de instalação, usando uma chave de fenda para retirar os parafusos ou desencaixando os suportes pregados, utilizando a parte de trás do martelo. Separe os suportes em metades usando o serrote antes de retirá-los e, então, puxe-os do chão ou do teto fazendo movimentos de rotação para afrouxar os fixadores, retirando-os. Cuidado para não se cortar nos pregos expostos durante o trabalho.

  8. Posicione o pé de cabra entre os suportes e o chão ou teto, passando-o por todo o comprimento do suporte. Comece em um lado, que esteja pregado, e vá aplicando força por todo o alongamento para soltar os suportes. Faça isso de maneira que, a cada empurrão, o suporte fique mais solto. Retire todos os suportes do chão e do teto.

Loading...

Aviso

  • Tenha certeza de que a divisória a ser removida não esteja ligada à estrutura da parede.
  • Sempre use equipamentos de proteção adequados para evitar lesões.
  • Verifique se há alguma permissão necessária para fazer o trabalho com o encarregado do local.

O que você precisa

  • Sacos plásticos para cobertura
  • Luvas grossas
  • Óculos de proteção
  • Máscara
  • Pé de cabra
  • Canivete
  • Martelo
  • Chave de fenda
  • Serrote

Referências

Loading ...
Loading ...