É seguro utilizar uma banheira de hidromassagem durante a gravidez?

Escrito por sharon perkins | Traduzido por ana luisa takahashi
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
É seguro utilizar uma banheira de hidromassagem durante a gravidez?
Para a segurança do bebê, é importante conhecer os riscos da hidromassagem (nattanan726/iStock/Getty Images)

A gravidez pode ser um período de desconforto físico considerável para as mulheres. Isso resulta em um número limitado de movimentos, poucas posições confortáveis, dores musculares e, muitas vezes, dores nas costas. A banheira de hidromassagem é uma das maneiras mais populares de aliviar o estresse e acalmar os músculos doloridos. Entretanto, devido ao risco de defeitos congênitos, mulheres grávidas não devem utilizar banheiras de hidromassagens sem compreender considerações importantes.

Outras pessoas estão lendo

Significado

O problema das banheiras de hidromassagem para mulheres grávidas resulta da hipertermia. A maioria das banheiras possui um padrão de temperatura de 40 graus Celsius. Apenas dez minutos sob água quente são o suficiente para elevar a temperatura do corpo a 38,8 graus Celsius. Durante a gravidez, a temperatura corporal da mulher deve ser mantida abaixo de 38,3 ºC para proteger o bebê. Mas nem tudo está perdido. Há opções para as mulheres que querem relaxar com segurança.

Banho de chuveiro

Tome um banho. Essa é uma maneira muito mais segura de relaxar do que uma hidromassagem, desde que a água não esteja escaldante ou desconfortável. Além disso, a parte superior do corpo provavelmente continuará fora da água e estará menos suscetível ao superaquecimento. Enquanto uma banheira de hidromassagem mantém sua temperatura, aumentando o risco de hipertermia, a água do banho perde calor enquanto cai do chuveiro.

Outras alternativas

Se um banho de chuveiro não for suficiente para você, ainda há algumas opções para usar a banheira de hidromassagem com segurança durante a gravidez. Você deve ter sempre em mente a temperatura corporal. Não é com a hidromassagem, e sim com o aumento de temperatura que você deve se preocupar.

Temperatura da água

Algumas hidromassagens oferecem a opção de diminuir a temperatura da água. Uma banheira com água morna é melhor do que uma com água quente, e você ainda se sentirá mais leve e desfrutará os benefícios da ação massageadora dos jatos. Ao diminuir a temperatura da água, lembre-se de que levará algum tempo até que a água perca o calor. Use um termômetro de piscina para determinar quando é seguro entrar.

Temperatura do corpo

Use um termômetro para controlar a temperatura do corpo. Isso é uma obrigação. Novamente, o problema não é o equipamento, e sim a hipertermia resultante. Meça sua temperatura constantemente enquanto estiver na hidromassagem, se você optar por usá-la.

Dicas

Preste atenção a sinais de superaquecimento, como transpiração. Embora seja normal na gravidez, o tipo de suor que vem de uma hidromassagem é facilmente discernível. Se você estiver desconfortável ou transpirando, saia da água.

Limite seu banho de banheira a até dez minutos. Por mais que você possa ficar tentada a tirar um cochilo de meia hora na hidromassagem, a gravidez requer uma abordagem mais altruísta. Mais importante ainda: durante a gravidez ou em caso de suspeita, lembre-se de que a banheira é rasa, por isso, não é aconselhável tentar mergulhar. Na realidade, qualquer tipo de movimento brusco deve ser evitado. Lembre-se de quem é o adulto e use a hidromassagem com responsabilidade.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível