Sinais de que seu filho é transexual

Escrito por angel eyes | Traduzido por vanessa arnaud
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Sinais de que seu filho é transexual
O que você faria se seu filho fosse transexual? (Jupiterimages/BananaStock/Getty Images)

A transexualidade, ou variação de gênero, é um termo utilizado para descrever a condição de um indivíduo cujo sexo difere daquele definido ao nascer. Em torno dos 3 anos de idade, a maior parte das crianças se interessa por atividades específicas do seu gênero; meninos brincam com carrinhos, e meninas com bonecas. Algumas crianças, entretanto, desenvolvem interesses que são típicos do sexo oposto. Os pais podem notar que o filho apresenta uma necessidade persistente de ser visto como o sexo oposto.

Outras pessoas estão lendo

Sinais de meninos transexuais

Meninos que mostram sinais de transexualidade demonstram interesse em vestir roupas de meninas e usar maquiagem. Eles preferem brincar com brinquedos de meninas, como bonecas, e tendem a brincar e a interagir com crianças do sexo feminino. Às vezes, o menino pode brincar como uma personagem feminina, como uma mãe ou uma princesa. Ele insistirá que é uma menina e pode querer ser chamado por um nome feminino. Muitas vezes, demonstrará chateação e ampla argumentação quando lhe for dito que não é uma menina.

Sinais de meninas transexuais

Meninas que apresentam sinais de transexualidade normalmente querem vestir roupas de meninos, usar cabelos curtos e muitas vezes se recusam a utilizar qualquer acessório característico de meninas. Elas costumam se ver como homens pequenos. Meninas transexuais muitas vezes preferem brinquedos de meninos, como caminhões, carros e personagens de ação, como Gl Joe. Elas interpretam figuras masculinas, e não femininas. Assim como os meninos transexuais, acreditam ser do sexo oposto. Elas podem se referir a si mesmas como um menino e utilizar um nome masculino.

Como ocorre a transexualidade?

Os estudiosos ainda não conseguiram determinar o que faz com que uma criança seja transexual. Por anos, acreditou-se que os pais eram culpados por não criarem seus filhos corretamente. Alguns especialistas, entretanto, acreditam que o cérebro é geneticamente programado no nascimento ou pouco depois. Alguns especialistas acreditam também que os hormônios desempenham um papel central, como excesso de estrogênio em meninos ou excesso de testosterona em meninas. Os pesquisadores ainda estão tentando entender as causas das variações de gênero.

Como ajudar seu filho

A primeira reação dos pais é ignorar o que a criança está sentindo e pensar que é apenas uma fase. Converse com seu filho para entender o que realmente está sentindo. A pior coisa para uma criança é a sensação de que não possui apoio. Ame seu filho incondicionalmente e mostre a ele que há alguém que o aceita, entende e apoia. Não culpe a si mesmo ou à criança. Não pressione seu filho a mudar para aquilo que a sociedade considera aceitável. Procure por grupos de ajuda ou por um terapeuta que entenda de transexualidade.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível