Sobre pelos encravados no rosto

Escrito por katlyn joy | Traduzido por marina villar
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Sobre pelos encravados no rosto
Aqueles com pelos mais grossos têm mais probabilidade para o aparecimento dos pelos encravados (George Doyle/Stockbyte/Getty Images)

Os pelos encravados no rosto resultam em erupções vermelhas que se parecem com espinhas. Eles têm aparência desagradável e são desconfortáveis. Algumas pessoas têm mais tendência ao surgimento dos pelos encravados no rosto do que outras. Aqueles com pelos mais ásperos e grossos têm mais probabilidade de se curvarem e voltarem para a pele, causando o entupimento do poro e retendo bactérias, como em uma espinha.

Outras pessoas estão lendo

Identificação

Os pelos encravados podem ser identificados pela sua aparência. Eles geralmente aparecem onde a pele foi raspada, e são como pústulas dolorosas que se parecem com espinhas e podem ter uma ponta branca como elas. Se houver uma aglomeração de pelo encravado, irá se parecer com acne.

A maneira principal de se diferenciar entre uma espinha e um pelo encravado, é que o pelo encravado tipicamente aparecerá brevemente após o barbear.

Considerações

Existem certas práticas que podem deixar sua pele mais suscetível aos pelos encravados. Um coisa é usar um barbeador sujo ou usar uma navalha ou lâmina sem higienização. Raspar em direção contra o nascimento do pelo também pode permitir que o pelo quebre em um ângulo que o deixa mais propenso a entrar novamente na pele. Não lavar o rosto após se barbear também promove a disseminação de bactérias que podem deixar as condições ideias para os pelos encravados.

Cronograma

Um pelo encravado se forma depois de ser cortado, então ele cresce para dentro da pele onde continua a crescer embaixo dela e fica torcido, algumas vezes um conjunto de pelos torcidos, e entope o poro. O desenvolvimento de bactérias ocorre e a pústula se forma. O pelo encravado pode se desenvolver em um tipo de massa sólida abaixo da pele e requer remoção. Esse tipo de remoção não é simples de se puxar. Nesse ponto, seria preciso um procedimento cirúrgico para ser removido completamente e de forma segura.

Prevenção/Solução

Os especialistas da pele recomendam uma esfoliação regular para ajudar a prevenir a formação dos pelos encravados. No entanto, não esfolie imediatamente depois de se barbear. Mantenha as lâminas limpas e não compartilhe seus barbeadores com ninguém. Tenha certeza de que seu barbeiro tem práticas de higiene como a esterilização dos utensílios. Se você é particularmente propenso a ter pelos encravados no rosto, deve tentar evitar se barbear por um período de tempo se possível. Existe também uma variedade de produtos no mercado feitos para prevenir e tratar os pelos encravados, em alguns cremes de barbear, loções pós barba e lâminas especiais. Nunca raspe em direção contra o crescimento do pelo. Algumas vezes o pelo infectado é visível e pode ser removido com pinça.

Aviso

Algumas vezes quando os pelos encravados crescem por um determinado tempo, pode-se desenvolver um tipo de calombo duro. As pessoas costumavam deixar que o barbeiro cuidasse disso, no entanto não é uma solução ideal para os dias de hoje, particularmente com o crescimento da AIDS. Um pelo encravado que chegou a esse ponto, não deve ser algo resolvido pelo barbeiro, ou por uma pessoa em casa com apenas uma pinça ou agulha. Ao invés disso, vá ao médico. Nunca aperte a área afetada pois isso só irá espalhar as bactérias e piorar a situação.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível