Sobre réplicas de relógios

Escrito por gigi starr | Traduzido por carolina almeida
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Sobre réplicas de relógios
Réplicas podem não ser o melhor negócio (2007 Laenulfean / Creative Commons)

Uma réplica de relógio é uma peça que segue o mesmo estilo ao original de um famoso fabricante. Comprar um pode parecer uma ótima ideia. Afinal de contas, as réplicas são baratas, similares ao original e pode-se obtê-las facilmente. No entanto, pode não ser o melhor negócio. Frequentemente essas peças muito baratas são ilegais e vendidas por vendedores de má fé.

Outras pessoas estão lendo

Funções

As réplicas são quase sempre produzidas a partir de materiais mais baratos do que os originais, mas levam insígnias e marcas bastante semelhantes à marca verdadeira.

Pessoas que compram réplicas podem ser divididas em dois grupos: aquelas que sabem que o relógio é falso e as que não sabem. Aqueles que conscientemente compram uma réplica podem querer algo que pareça bom sem pagar o preço de uma peça original. Compradores desavisados ​​pensam que estão fazendo um ótimo negócio em uma peça verdadeira e, em seguida, descobrem que foram enganados.

Tipos

Existem muitos tipos de réplicas, que vão desde aquelas que apenas copiam o original até outras incrivelmente idênticas ao real. Por exemplo, a Chanel pode lançar uma linha de relógios que incluem pulseiras de nylon intercambiáveis ​​em cores primárias e um mostrador arredondado de ouro. Mais tarde, outro fabricante pode acabar com o original Chanel, com um relógio que tem uma série de tiras em tons pastel e um mostrador quadrado de ouro. Neste caso, o falsificador partiu da mesma ideia e mudou para algo semelhante, diferente o suficiente para ser legal de acordo com a lei de direitos autorais.

Outro fabricante, no entanto, pode produzir um relógio com um mostrador de ouro redondo e um conjunto de tiras coloridas primárias. Seu mostrador pode ter uma pequena insígnia que se parece com dois Ds interligadas, ao invés do famoso logotipo da Chanel "C". O relógio pode até ser embalado em uma caixa que se parece com o original. Neste caso, o fabricante esta provavelmente infringindo os direitos autorais da Chanel, e o produto é ilegal.

Geografia

Um turista em Nova York se gabando sobre o seu relógio Movado de 35 dólares é um conto testado e provado. Grande parte do comércio de réplicas acontece fora da cidade de Nova York, a qual está cheia de importadores e comerciantes internacionais que vendem seus produtos em ruas movimentadas. Normalmente, estes homens carregam os relógios em malas e caminham entre as multidões, gritando: "Relógios! Compre seu relógio aqui!" Muito raramente essas pessoas vendem os relógios em aberto, uma vez que suas mercadorias poderiam ser apreendidas no local por violação de direitos autorais. Assim como NY, outras grandes cidades com fácil acesso aos portos e navegação têm vendedores de réplicas.

Réplicas de relógios também estão disponíveis na internet. No entanto, para começar, ao comprar um desses itens on-line pode estar expondo seus dados como cartão de crédito e débito para pessoas que estão vendendo mercadoria suspeita. Uma vez que existem certificações para os serviços on-line confiáveis, como o Better Business Bureau, que reprova falsificação e violação de direitos autorais, é melhor não usar sites que não possuam certificação.

Identificação

O preço é a primeira pista para identificar se um relógio é réplica. Os consumidores devem ser honestos e sensatos. É realmente possível encontrar um relógio Tag Heuer de 800 dólares por 50? Provavelmente não. Se parece bom demais para ser verdade, provavelmente é.

Imitações de relógios são feitas de materiais de qualidade inferior. As pulseiras podem ser fabricadas com tecidos de baixa qualidade que se desgastam facilmente. Os detalhes em couro e pele são frágeis, simplesmente pintados ao invés de tingidos; acabamentos de metal são banhados em vez de tingidos e podem riscar com facilidade, dobrar ou quebrar.

No mundo de leilões online, é simples detectar sinais de falsificação. Um artigo no New York Times, "Será que o Ebay iniciou uma repressão à falsificação?" notou que muitos leilões provenientes da China, Japão e muitos países do leste asiático são fraudulentos e não devem ser confiáveis. Mesmo que o comerciante entregue o recibo de compra, caixas e papéis de certificação, pode ainda não ser um produto confiável. Embalagens podem ser impressas de forma muito fácil e barata, e comprovantes de venda são vendidos o tempo todo. As maiores marcas monitoram o Ebay constantemente, buscando mercadorias muito baratas através do programa Vero. Como resultado, encontrar um grande desconto em um relógio verdadeiro é praticamente impossível.

Considerações

Depois de todos esses avisos, você ainda pode desejar comprar uma réplica. No entanto, provavelmente não é a melhor ideia. O dinheiro que você gasta em um falsificado pode ser melhor utilizado em um relógio de alta qualidade e que vai durar. Também é possível que o dinheiro das falsificações apoie atividades não autorizadas e criminais. Afinal, os designers dos originais não ganharam nada com a compra, o que não é justo.

Imitações são óbvias muitas vezes e podem refletir seriamente na aparência. Ao invés de fazer uma boa impressão, uma réplica muitas vezes pode parecer brega. Esforce-se para comprar artigos genuínos, de alta qualidade.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível