Mais
×

Tipos de próteses de perna

Atualizado em 19 julho, 2017

Caso uma pessoa perca uma das pernas (ou as duas) em um acidente, por complicações médicas ou por outra razão, uma prótese ou perna artificial pode ajudá-lo a levar uma vida quase normal. Há dois tipos básicos de próteses de pernas.

Próteses podem variar de acordo com o tipo de amputação (PhotoObjects.net/PhotoObjects.net/Getty Images)

Abaixo do joelho

Uma prótese transtibial, ou abaixo do joelho, é utilizada quando o paciente tem um pedaço da perna. Elas são projetadas com um soquete, uma canela e um pé. Em razão do joelho ainda estar no lugar, em geral, o paciente pode encontrar maior mobilidade do que aqueles com uma prótese acima do joelho.

Acima do joelho

A prótese transfemoral, ou acima do joelho, serve para um paciente que perdeu o joelho e o restante da perna. Estas próteses são feitas com um soquete, um sistema de joelho, uma haste e um pé. O paciente pode encontrar dificuldade em executar os movimentos com este tipo de prótese devido à funcionalidade detalhada do joelho artificial.

Novas tecnologias

Há sempre novos avanços para melhorar próteses de pernas. O Otto Bock Healthcare, empresa fabricante de próteses, criou a "C-leg", que é um sistema de próteses caro que permite ao paciente programar sua perna para correr e andar de bicicleta, juntamente com outras capacidades atléticas.

Custo

Em 2009, o custo de uma prótese transtibial custava em torno de 12 mil a 16 mil reais. A transfemoral pode custar cerca de 20 mil a 70 mil reais.

Histórico

A Academia Nacional de Ciências iniciou o primeiro Programa de Membros Artificiais em 1945 para aprimorar a tecnologia sobre próteses de pernas de madeira e cobre que eram usadas na época.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article