Tratamento de doença do cipreste italiano

Escrito por della r. buckland | Traduzido por angela spada
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Tratamento de doença do cipreste italiano
O cipreste italiano ou cipreste comum é uma árvore perene e de crescimento rápido (Image Source/Photodisc/Getty Images)

O cipreste italiano ou cipreste comum é uma árvore perene, de crescimento rápido, que se presta bem a um projeto arquitetônico. É uma planta bem diferente e suscetível a algumas doenças.

Outras pessoas estão lendo

Regiões e condições de crescimento

O cipreste-italiano cresce bem em climas amenos e frios, chegando a alcançar uma altura de 12 metros e uma largura de 1,5 metro em plena maturidade. Viceja tanto à exposição solar total como parcial, é tolerante à seca quando já estabelecido e pode crescer em qualquer condição de solo.

Lagartas

Embora não seja uma doença, pode ocorrer infestação de pequenas larvas, semelhantes a vermes no cipreste-italiano, que podem se alimentar das agulhas da árvore, deixando os galhos nus. Existem três maneiras de controlar as lagartas: naturalmente, com o uso de insetos como a vespa da família Vespid; manualmente, retirando-se das árvores os sacos formados pelas larvas (parecem pequenos aglomerados de agulhas); ou usando um inseticida que contenha Bacillus thuringiensis.

Ácaros aranhiços

É difícil ver esses insetos a olho nu, mas a planta exibirá sinais com pontos marrons nas agulhas. Se você achar que há ácaros na árvore, pegue um galho com pontos marrons nas agulhas e bata-o sobre uma folha de papel branco. Se aparecerem pintas marrons e estas se movimentarem, a árvore tem ácaros aracnídeos. É difícil eliminá-los com um acaricida, porque os ovos não são afetados. Os melhores tratatamentos consistem no uso de um spray de água de alta potência ou de insetos, como a joaninha escura conhecida como "destruidora de ácaros".

Podridão da raiz

A podridão da raiz é evidente pela folhagem embaçada, amarela e murcha. Quando as raízes são expostas, marrons e polpudas ao toque, e a pele que as protege se solta quando movimentada. A melhor defesa é preparar a terra antes do plantio, certificando-se de que tenha boa drenagem. Se o cipreste-italiano já estiver estabelecido e começar a dar sinais de podridão da raiz, pode-se escavar uma trincheira em torno da base da planta para ajudar na drenagem adequada da água.

Doença do cancro

O cancro é a mais séria e agressiva doença que pode afetar o cipreste-italiano. O fungo que o causa é trazido pelo vento. Essa doença criará lesões que escoam a resina da árvore, circundando os galhos à medida que se alastra. Antes de morrer, o cipreste assume uma cor amarelo-pálida. Não existe um tratamento químico para cancro. Pode-se podar bem abaixo da área afetada, mas isto só prolonga a vida da árvore. O melhor remédio é cortá-la e fazer o replantio.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível