Usos de metais preciosos e platina em aviação

Escrito por corr s. pondent | Traduzido por pamela oliveira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Usos de metais preciosos e platina em aviação
É possível recuperar metais preciosos de partes sucateadas de aviões (aircraft image by Ilya Skuratov from Fotolia.com)

Metais preciosos como ouro e prata têm uso na indústria de aviação, assim como a platina. A indústria usa esses metais na fabricação de motores de aeronaves, assim como de outras partes menores. É possível recuperá-los dos motores e do maquinário depois dessas partes estarem sucateadas. (Veja referências 1 e 2)

Outras pessoas estão lendo

Motores de aviões

A indústria de aviação usa metais preciosos na fabricação de aeronaves. Ouro e prata, assim como paládio e platina, são usados na fabricação de diversos tipos de motores de aviação, como o CF6 e o JT3D, de acordo com a Aviation Suppliers Association. Os motores JT8D, JT9D e RB211 também contém esses metais. (Veja referências 1 e 2)

Partes de motores

Tipicamente, uma máquina de aviação tem até 23 partes que contêm metais preciosos. Várias partes que usam metais incluem aletas, estatores, pás das hélices, bicos de combustível, distribuidores de combustível, dutos de Tobi e trocadores de calor. Partes do sistema de turbina do motor de uma aeronave e do sistema aviônico usam ouro e prata, e palhetas de aeronaves usam platina. (Veja referências 1 e 2)

Recuperação de metais preciosos

Depois do fim da vida útil de um avião, a indústria ainda pode recuperar os metais preciosos da máquina e suas partes. Companhias que se dedicam a essa recuperação tipicamente separam e testam as partes das aeronaves para aproveitá-las o máximo possível. As partes são expostas a fontes radioativas para identificar os metais preciosos e separar as partes que os contêm. Então, o processo de recuperação envolve lixiviar os metais para fora das partes onde estão localizados. A recuperação de metais preciosos compõe até 50 por cento do valor de reciclagem de um motor de aviação, que pode chegar a R$35387,50 em um motor JT8D em valores de 2010, estima a Aviation Week. (Veja referências 1 e 2)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível