Usos residenciais de corrente AC ou DC

Escrito por sam smith | Traduzido por mariana de mello andré scarani
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Usos residenciais de corrente AC ou DC
A corrente alternada viaja longas distâncias com menos perdas do que a corrente direta (Thomas Northcut/Photodisc/Getty Images)

A corrente alternada e a direta possuem propriedades bem diferentes e histórias únicas. Ambas possuem vantagens em uso residencial, mas a corrente alternada acabou ganhando durante a corrida de eletrificação dos Estados Unidos, devido à sua capacidade de viajar distâncias maiores com menor perda. Enquanto a corrente alternada costuma alimentar uma casa, há momentos em que os transformadores a convertem em corrente direta, principalmente por causa de sua tensão menor.

Outras pessoas estão lendo

Painéis solares

As células fotovoltaicas que coletam radiação solar em um conjunto de painéis solares convertem a luz do sol em corrente direta. Elas costumam estar conectadas a um conjunto de baterias, que usam o mesmo tipo de corrente. Este conjunto, por sua vez, está ligado a um inversor que transforma a eletricidade em corrente alternada, para que possa ser fornecida através da fiação existente na casa.

Eletrônicos pequenos

Muitos eletrônicos pequenos, como celulares, videogames e laptops, utilizam corrente direta. As caixas transformadoras usadas por esses aparelhos são ligadas na tomada e convertem a corrente alternada em direta, para que o aparelho seja usado. As ineficiências dessas conversões geram calor, e esse é o motivo pelo qual os transformadores ficam mornos quando estão em uso.

Aparelhos

Os aparelhos maiores se beneficiam das tensões maiores da corrente alternada, como fornos elétricos, aquecedores de água, secadoras de roupa, fornalhas e serras elétricas, que funcionam de forma mais eficiente com alta tensão. A maioria das casas recebe 220 volts de uma distribuidora de energia, e essa tensão é reduzida para 110 no painel de disjuntores da casa.

Iluminação

A maioria das luzes domésticas é incandescente, com um filamento delicado de tungstênio no interior de um bulbo de vidro. Elas funcionam com corrente alternada, e o tungstênio age como uma resistência que emite luz e calor ao ser exposto a 110 volts de corrente alternada doméstica.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível