Mais
×

Como utilizar uma luz negra para procurar por bactérias em casa

Atualizado em 17 abril, 2017

Também conhecida como luz ultravioleta, a luz negra faz com que vários materiais brilhem ou irradiem uma luz visível na escuridão total. Algumas substâncias como bactérias, urina, fluido seminal e sangue são detectadas através de uma inspeção com luz negra. A flavina (encontrada no complexo B) é outro material que emite um brilho fluorescente quando exposta à luz UV. Os cientista descobriram que os germes tendem a reunir-se em superfícies onde altos níveis de flavina estão presentes. O uso de uma luz negra de detecção de germes oferece um roteiro para as áreas da casa onde pode-se encontrar bactérias.

Instruções

Os cientistas descobriram o poder da luz negra para detectar bactérias (Getty Images/Getty Images News/Getty Images)
  1. Adquira uma luz UV de detecção de germes. Os modelos profissionais emitem raios UV nas frequências longas, que são necessárias para a detecção de bactérias. A luz UV faz parte do espectro eletromagnético e varia de 100 a 400 nanômetros. Equipamentos profissionais emitem comprimentos de onda que vão de 386 a 400 nanômetros e são adequados para a detecção de bactérias em casa.

  2. Faça uma limpeza preliminar e prepare a casa para a inspeção. Essa organização deve ajudá-lo a caminhar pelo local quando tudo estiver escuro. Durante a inspeção, as áreas atrás e debaixo dos móveis e eletrodomésticos são importantes e, por isso, devem estar acessíveis.

  3. Apague todas as luzes e inspecione todas as superfícies da casa com a luz negra. O local deve ficar completamente escuro para que a luz negra possa expor as bactérias. Comece em um canto do cômodo e passe até o outro lado, pairando sobre as superfícies do local, incluindo camas, bancadas, pisos e paredes. Qualquer bactéria ou outro agente contaminante, que estiver pela casa, acenderá e será exposto através da luz negra.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article