×
Loading ...

Cuidados com evólvulo ou azulzinha

A Evolvulus glomeratus, popularmente conhecida como evólvulo ou azulzinha, é uma planta baixa, nativa do Brasil e do Paraguai. Na natureza, suas flores azul ou lavanda e suas folhas felpudas se espalham em campos e planícies abertas. Essa planta perene acrescenta cor durante o ano todo, em solos secos e rochosos. Ela cresce até 30 cm e se espalha por 60 cm em comprimento. Cada flor abre por apenas um dia, mas novos brotos nascem continuamente durante toda estação. O evólvulo cresce bem em jardins externos.

O evólvulo é uma bela adição ao jardim (Karl Weatherly/Photodisc/Getty Images)

Cultivo

O evólvulo deve ser cultivado na primavera, depois da última geada. Coloque em um local onde receba sol pleno ou sombra parcial. O plantio em sombra total resulta na redução das flores. Em climas quentes, essa planta prefere a sombra da tarde, para evitar o abrasamento.

O evólvulo cresce melhor em solo arenoso, mas tolera um solo pobre em nutrientes, desde que tenha boa drenagem. Corrija o solo com 7 a 10 cm de material orgânico para acrescentar nutrientes e melhorar a drenagem. Um fertilizante de disseminação lenta pode ser colocado na hora do cultivo. Acrescente uma camada de 5 a 7 cm de forragem sobre o solo para evitar o crescimento de ervas daninhas e proteger a planta durante o clima frio. O evólvulo pode sobreviver a uma geada branda, se estiver bem forrado. Espace as plantas entre 30 a 60 cm, para dar espaço para crescerem.

Ao cultivar em ambiente externo, a planta se desenvolve melhor como cobertura do solo ou em bordas. Cultive como planta perene ou em vasos para climas mais frios, e coloque-a dentro de casa quando a temperatura baixar. Por conta da sua natureza rasteira, ela cresce bem vasos pendurados ou jardineiras de janela.

Loading...

Regando e fertilizando

O evólvulo precisa ser regado regularmente durante a primeira estação de crescimento. Depois de estabelecido, regue apenas quando o solo parecer seco. No inverno, regue apenas em períodos de seca. Fertilize um pouco uma vez por mês, durante a estação de crescimento, para manter o floramento durante o verão. Aplique um fertilizante de disseminação lenta ou um solúvel em água.

Doenças

Quando regada em demasia ou sujeita a condições de chuva intensa, a planta pode sofrer com doenças fúngicas, como o apodrecimento das raízes. Espace as plantas em 30 cm para dar maior circulação de ar e ajudar a evitar doenças por fungos. Se o solo tiver uma drenagem ruim, considere plantar o evólvulo em vasos suspensos. Aplique fungicida para as plantas doentes e descarte a folhagem infectada para evitar que a doença se espalhe para outras plantas.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...