Como descobrir o apótema de um prisma hexagonal regular

••• Hemera Technologies/PhotoObjects.net/Getty Images

Um problema comum na geometria é encontrar o comprimento do apótema de um prisma hexagonal retangular, que é uma forma tridimensional que possui duas bases hexagonais idênticas e seis lados retangulares. O termo "regular" significa que todos os seis lados de cada hexágono são de comprimento igual e todos os seis ângulos dessa face também são iguais. O apótema é a linha que conecta o ponto mediano de cada aresta da base ao centro do hexágono, sendo que o comprimento dele pode ser calculado a partir do volume conhecido do prisma.

Passo 1

Converta todas as medidas para a mesma unidade. Por exemplo, caso peçam para encontrar o apótema em centímetros, converta o volume para centímetros cúbicos.

Passo 2

Divida o volume por três.

Passo 3

Divida o resultado, ou quociente, pela altura do prisma. A altura é a dimensão perpendicular às bases.

Passo 4

Divida o quociente pela aresta da base do prisma, a qual é o comprimento de qualquer um dos lados das bases. O comprimento dela pode ser também chamado de comprimento lateral. O resultado do cálculo é o comprimento do apótema.

Mais recentes

×