Como evitar o refluxo ácido das cápsulas do óleo de peixe ômega 3

••• bcbrown100/iStock/Getty Images

Embalados com ácidos graxos do ômega 3, os óleos de peixe apresentam uma grande variedade de benefícios potenciais para a saúde, desde proteger contra doenças do coração até aliviar inflamações. Esses suplementos têm se tornado cada vez mais populares entre aqueles que procuram melhorar a saúde geral e a longevidade. Os óleos de peixe podem, contudo, agravar os sintomas em algumas pessoas com certas condições gastrointestinais, como refluxo ácido. De acordo com especialistas, o óleo de peixe ômega 3 pode ser a causa de vários efeitos colaterais gastrointestinais, incluindo diarreia, aumento de arrotos, refluxo ácido, azia e indigestão. Os suplementos podem também resultar em inchaço e algum grau de dor abdominal. Se você está propenso a refluxo ácido, consulte seu médico sobre os suplementos do óleo de peixe. Se decidir continuar tomando, existem passos para minimizar o refluxo ácido.

Passo 1

Hunterann/iStock/Getty Images

Tome os seus suplementos com alimentos. Os especialistas relatam que tomar ômega 3 junto com alimentos poderá ajudar a minimizar o refluxo ácido ou outros efeitos colaterais gastrointestinais. Outra maneira de aliviar esses efeitos é começando com uma dose baixa de suplementos e aumentando a dose gradualmente. Converse com seu médico sobre a dose inicial recomendada e como aumentá-la.

Passo 2

Easy_Company/iStock/Getty Images

Abster-se de refeições agravará a azia na hora de tomar as cápsulas de ômega 3. Comer alimentos como chocolate ou cafeína em conjunto com o suplemento de óleo de peixe ômega 3 também poderá piorar os sintomas, alertam os especialistas.

Passo 3

Brian Balster/iStock/Getty Images

Tente um suplemento de óleo de peixe que seja projetado para ser anti-refluxo. Algumas formulações incluem óleos cítricos, que emulsionam as moléculas do óleo de peixe. Isso poderá ajudar a neutralizar alguns dos seus efeitos, como os sintomas gastrointestinais. Você também deverá procurar por um suplemento que apresente revestimento entérico, pois este tipo de revestimento faz com que a cápsula ignore o estômago e dissolva-se no intestino delgado. Isso significa que o óleo de peixe não irá ser disperso no estômago.

Passo 4

Stockbyte/Stockbyte/Getty Images

Procure por outros suplementos de ômega 3. Se você achar que tem dificuldade em tolerar os suplementos de óleo de peixe, investigue outras opções. Os suplementos que são à base de linhaça ou de sementes de cânhamo podem proporcionar uma concentração potente de ômega 3 sem os efeitos colaterais do óleo de peixe.

Passo 5

Spectral-Design/iStock/Getty Images

Seja paciente e aberto para os benefícios do ômega 3. Os suplementos de óleo de peixe poderão vir a melhorar o seu refluxo ácido. Os seus efeitos anti-inflamatórios promovem o funcionamento normal do esfíncter esofágico. Mesmo que possam causar alguma dificuldade inicial, eles podem vir a valer a pena. Converse com seu médico sobre um cronograma adequado para esperar benefícios.

Mais recentes

×