×
Loading ...

Faça você mesmo: mascaramento sonoro

A poluição sonora é um problema sério. Barulhos muito altos podem aumentar a pressão sanguínea e os níveis de estresse. Em ambientes de trabalho, ruídos indesejados também têm um impacto negativo, reduzindo a concentração e a produtividade. Os melhores métodos de isolamento acústico são aqueles usados durante o processo de construção de um prédio ou outra estrutura. Existem outras alternativas, como comprar aparelhos de ar condicionado, carpetes, isolantes e portas e janelas à prova de som, mas isso pode sair caro. O mascaramento sonoro é uma maneira fácil e econômica de neutralizar ruídos indesejados usando sons agradáveis. Usar ventiladores, músicas e sons da natureza é uma forma agradável de esconder barulho incômodos, reduzir distrações e proteger conversas privadas.

Instruções

O mundo atual é muito barulhento (Fukuoka image by Angelika Bentin from Fotolia.com)
  1. Meça a intensidade do barulho. Para o saber o nível do som que será mascarado, é preciso primeiro medir a intensidade dos ruídos. Os decibelímetros — aparelhos usados para medir os níveis sonoros — podem ser comprados em lojas de eletrônicos e especializadas em equipamentos de áudio. Ajuste o aparelho para a "ponderação A" e resposta lenta e, em seguida, meça a intensidade dos ruídos quando eles estiverem em seu ápice. Isso ajudará você a balancear o volume do mascaramento sonoro que escolher utilizar. Em um ambiente aberto, o nível de mascaramento deverá ser de três a cinco decibéis mais alto que as vozes das pessoas conversando em outras partes do escritório.

    Loading...
    Meça a intensidade dos ruídos indesejados para saber como mascará-los (noise image by Nicemonkey from Fotolia.com)
  2. Compre um chafariz para ambientes externos em lojas de decorações para casa e use-o para mascarar ruídos desagradáveis de estradas e outros barulhos. Para tanto, o chafariz deverá expelir água a acerca de 1,2 m a 1,5 m de altura no ar e ter um fluxo mínimo de 4000 a 8000 l de água por hora. Se desejar, faça uma fonte por conta própria usando uma bacia, um bico para chafariz, encanamentos e uma bomba submersível. Você pode ainda usar um chafariz com fluxo de água variável, que poderá ser ajustado conforme necessário.

    Fontes e chafarizes externos precisam de um bom fluxo de água para serem eficazes (water sprinkler closeup in fountain image by MAXFX from Fotolia.com)
  3. Compre uma fonte para ambiente interno. Para que ela seja um dispositivo eficiente de mascaramento sonoro, a água deverá cair e bater contra uma superfície dura ou poça de água. Ao comprar a fonte, não esqueça de levar em conta o nível de ruído medido anteriormente. Experimente regular a água em vários níveis e alterar a distância entre você e a fonte para determinar qual a melhor maneira de mascarar os sons desagradáveis. Se necessário, use o decibelímetro novamente.

    Para mascarar os barulhos desagradáveis, a água deverá bater em uma superfície dura (Water Fountain in stone image by Gramper from Fotolia.com)
  4. Use alto-falantes em conjunto com outras alternativas de mascaramento sonoro, como música ambiente, sons da natureza ou ruído branco. Independentemente da sua escolha, é preciso poder controlar o volume do som e, além disso, é importante que os sons sejam aleatórios, pois padrões repetitivos podem causar distrações.

    Escritórios abertos precisam de mascaramento sonoro para aumentar a concentração e a produtividade (Empty Office Cubical image by TekinT from Fotolia.com)
Loading...

Aviso

  • O mascaramento sonoro não reduz de fato os barulhos indesejados, apenas esconde-os. Se for necessário criar sons muito altos para combater os ruídos, o ambiente pode acabar ficando anda mais poluído sonoramente, piorando a situação.

O que você precisa

  • Decibelímetro
  • Fontes, música, sons da natureza ou geradores de ruído branco
  • Sistema de som com alto-falantes

Referências

Recursos

Loading ...
Loading ...