Infecção de bactéria Proteus em cães

••• dog with wet nose image by Warren Millar from Fotolia.com

A bactéria Proteus mirabilis provoca a cistite aguda - inflamação da bexiga - e infecção recorrente do trato urinário em cães, segundo o Dr. Debra Primovic do site PetPlace. O veterinário pode recomendar o tratamento médico necessário caso o animal apresente os sinais da doença.

Sintomas

Os cães com infecção do trato urinário, causada pela bactéria Proteus, normalmente urinam com maior frequência e podem apresentar traços de sangue ou uma consistência mais viscosa na urina. Eles podem ser vistos lambendo com frequência a área da uretra e, em casos mais graves, o animal pode parar de urinar, alerta a Dra. Alleice Summers no livro "Common Diseases of Companion Animals".

Tratamento

Os veterinários comumente tratam as infecções bacterianas por Proteus com os antibióticos enrofloxacina e gentamicina. Pelo fato desses antibióticos causarem a indisposição gástrica e por não serem recomendados para cães com doença renal, o site VetInfo sugere que os tratamentos homeopáticos com Berberis vulgaris, Cantharis e Staphysagris, juntamente com as drogas anti-bacterianas Zeniquin e Naxcel, podem ser úteis. Fornecer ao seu animal de estimação mais líquidos também ajuda a eliminar as bactérias.

Aviso

A infecção por Proteus geralmente provoca o desenvolvimento de cálculos renais em cães com infecção no trato urinário. As pedras precisam ser analisadas ​​para determinar o tipo, o componente bacteriano envolvido e o tipo de tratamento necessário para evitar a recorrência.

Mais recentes

×