Manchas Escuras na Parte Branca do Olho

••• i've got my eye on you image by tamdesigns from Fotolia.com

Verrugas ou sardas na parte branca do olho, ou esclera, atraem a atenção e podem levantar suspeitas sobre um problema de saúde. Essas sardas são geralmente inofensivas. Se a mancha ocorre subitamente, no entanto, pode ser um sinal de um câncer maligno.

Descrição

Manchas escuras na esclera são simplesmente lesões pigmentadas assim como ocorre na pele, explica o Minnesota Eye Consultants. A lesão, ou nevo, pode ser liso ou ligeiramente elevada e pode variar na cor de preto e castanho a rosado, escreve David A. Lee e Eva J. Higginbotham no livro "Clinical Guide to Comprehensive Ophthalmology". Ocasionalmente, o nevo não contém pigmento e pode ocorrer na esclera, na íris, que é a parte colorida do olho, ou na conjuntiva, que é a membrana que reveste o interior das pálpebras e cobre a superfície visível da esclera. O nevo pode ocorrer também na coróide, tecido situado abaixo da retina na parte posterior do olho, conforme o Minnesota Eye Consultants. Nevos nesse local só podem ser vistos com uma lâmpada especializada.

Tipos

Sardas no olho são coletivamente chamados de tumores pigmentados, embora a maioria seja inofensiva. Nevos congênitos são o tipo mais comum de tumor pigmentado, de acordo à página Eye Cancer Network. Outros tipos incluem melanose primária adquirida e melanoma conjuntival. Uma biópsia determina o tipo de lesão. O especialista, no entanto, pode decidir observar a lesão e fazer a biópsia somente se ela mostra sinais de crescimento.

Causas

Nevos são causados ​​por um crescimento excessivo de melanócitos, ou células que produzem pigmento, de acordo com o Minnesota Eye Consultants. Os melanócitos encontram-se nos olhos, pele e outros tecidos e a maioria dos nevos são congênitos ou formam-se na infância. Pessoas com pele pigmentadas muitas vezes têm nevos congênitos. Os nevos congênitos podem passar despercebidos até a puberdade, quando o local torna-se mais escuro ou maior, de acordo com Lee e Higginbotham. Melanose primária adquirida normalmente aparece de repente, observa a Eye Cancer Network. Geralmente ocorre na meia-idade nas pessoas com pele clara. Já a melanose conjuntival é rara, diz a página Surgical Pathology, e começa como melanose primária adquirida, nevo congênito, ou ocorre espontaneamente.

Tratamentos

Nevos congênitos não têm sintomas e não requerem tratamento. A maioria das lesões pigmentadas são benignas, diz a Eye Cancer Network. Lesões cancerosas são removidos cirurgicamente e os oftalmologistas devem observar cuidadosamente todas as lesões pigmentadas para quaisquer sinais de crescimento ou mudança na forma, com especial atenção no caso de que a lesão desenvolva um amplo suprimento de sangue ou se estenda para a córnea. Nevos benignos podem crescer, mas o seu crescimento é mais lento do que o das lesões malignas.

Precauções

Nevos que mudam de tamanho ou forma devem ser biopsiados, aconselha o Minnesota Eye Consultants. Porém, os nevos congênito raramente tornam-se cancerosos. Uma mudança na cor sem mudanças no tamanho ou forma não é sinônimo de malignidade, conforme Lee e Higginbotham.

Mais recentes

×