×
Loading ...

Aves: doenças oculares em periquitos

Atualizado em 17 abril, 2017

A doença ocular mais comum nos periquitos é a catarata. Infecções nos olhos, contudo, são normalmente sintomas de outras condições, como má nutrição, doenças ou intoxicações. É importante ter acesso ao ambiente da ave antes de buscar a cura. Olhos lacrimejantes, acompanhados de um corrimento nasal ou vermelhidão, olhos com crostas ou pálpebras inchadas são indicativos de que o periquito está com problemas de saúde e precisa de atenção médica.

Os periquitos saudáveis são curiosos (Image by Flickr.com, courtesy of hobvias sudoneighm)

Catarata nos periquitos

As aves são vítimas frequentes da catarata e os periquitos não são uma exceção. As causas para essa doença são geralmente genéticas e podem ser desenvolvidas por uma intoxicação presente no ambiente do pássaro e um trauma devido a uma doença severa. A condição ainda pode ser causada por uma deficiência nutricional e pela idade avançada. Os periquitos enjaulados que desenvolvem a catarata não sofrem tanto com essa visão debilitada, já que eles não possuem predadores e estão familiarizados com seu espaço e com os recipientes de comida.

Loading...

Sintomas das doenças oculares associados à conjuntivite

A conjuntivite é uma doença que afeta os periquitos. Os sintomas começam com vermelhidão, olhos lacrimejantes e corrimentos nasais. Conforme a condição piora, uma crosta grossa começa a se formar e a crescer ao redor do olho. Em casos severos, ela pode cobri-lo completamente. Essa doença ocular pode ser causada por bactérias, fungos ou um machucado nessa região. O tratamento inclui uma observação diária do pássaro, certificando-se de que ele está se alimentando adequadamente, além de mantê-lo longe de estresse. Uma ave doente deve ficar isolada e alimentada em recipientes que são lavados diariamente. A medicação é prescrita por um veterinário especializado nesses animais.

Sintomas da blefarite

Os periquitos estão sujeitos a uma condição conhecida como blefarite, que é uma inflamação das pálpebras. Existe muita vermelhidão e irritação em ambos olhos. São dois tipos de blefarite. Um deles afeta a frente das pálpebras e é causada pela bactéria Staphylococcus. O entorno do olho pode parecer que possui caspa. Já a blefarite posterior ataca atrás das pálpebras e é o tipo mais comum dessa doença. As glândulas sebáceas dos olhos são afetadas quando ela ocorre.

Tratamento para as doenças oculares

Um periquito com problemas oculares deve ser atendido por um veterinário especializado que, provavelmente, prescreverá um creme oftalmológico para limpar os olhos. Colírios esteroides ou pomadas antibióticas também podem ser recomendadas para aliviar os sintomas. Contudo, o responsável deve entender completamente as instruções do uso desses medicamentes, já que a má administração pode criar ainda mais problemas. Um simples remédio caseiro é capaz de proporcionar o alívio necessário, como saquinhos de chá de camomila postos gentilmente sobre os olhos do pássaro, de uma a duas vezes ao dia. Deixe por cerca de cinco minutos. A camomila é um ótimo anti-inflamatório.

Questões ambientais

Os pássaros, incluindo os periquitos, são sensíveis aos seus ambientes e não devem ser expostos a toxinas, como fumaça de cigarro e produtos químicos caseiros. Fumar no mesmo ambiente que a ave causa problemas oculares crônicos. O uso de produtos químicos fortes pode ter o efeito similar, o desenvolvimento de problemas respiratórios e até mesmo a morte. Uma boa alimentação é essencial para manter o sistema imunológico dos periquitos saudável, afastando as doenças oculares. A limpeza da gaiola e dos arredores, principalmente onde esses pássaros pousam, é ideal. Os periquitos presos em um espaço sem correntes de ar e perigos ambientais devem ser capazes de evitar as causas das doenças oculares.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...