O câncer cervical tem cura?

Escrito por jennifer clary | Traduzido por luiza g. brando
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O câncer cervical tem cura?
O câncer cervical também é chamado de cancro cervical ou câncer do colo do útero (Keith Brofsky/Photodisc/Getty Images)

O câncer cervical apresenta 18.430 novos casos a cada ano, de acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA). Essa doença costuma ser tratada com sucesso se for diagnosticada nos estágios iniciais -- aproximadamente dois terços das mulheres diagnosticadas superam a doença e sobrevivem. Uma vacina preventiva está disponível para as mulheres que não tenham câncer cervical, e para aquelas que já foram diagnosticadas com a doença, há algumas opções de tratamentos eficazes disponíveis.

Outras pessoas estão lendo

Prevenção/solução

Existem duas vacinas contra HPV aprovadas e registradas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), as quais as mulheres podem tomar para se prevenir do câncer cervical; uma é chamada Gardasil e a outra Cervarix. A maioria dos casos dessa doença é causa pelo papilomavírus humano (HPV). A vacina funciona bloqueando duas (Cervarix) ou quatro (Gardasil) cepas de HPV causadoras de câncer, e assim, diminui significativamente a chance das mulheres de contraírem o cancro cervical. A vacina contra HPV é recomendada para as mulheres a partir dos 11 anos em diante.

O câncer cervical tem cura?
A vacina contra o HPV previne o desenvolvimento do papilomavírus humano

História

O câncer do colo do útero costumava ser um problema muito mais alarmante antes dos anos 50, quando as mulheres começaram a fazer o exame preventivo Papanicolau nos países desenvolvidos. Na verdade, em 1940, o câncer cervical era uma das maiores causas de morte entre as mulheres nos Estados Unidos. A introdução do teste de Papanicolau como parte dos exames de rotina feitos nas mulheres fez com que a taxa de mortalidade decorrente do cancro cervical caísse 74 por cento, pois a doença passou a ser detectada muito mais cedo. Com a recente admissão da vacina contra HPV no mercado, os profissionais da área de saúde esperam notar um declínio ainda maior no número de mortes causadas pelo câncer cervical.

O câncer cervical tem cura?
O preventivo Papanicolau deve ser feito anualmente

Identificação

É importante identificar o câncer de colo de útero nos estágios iniciais, para que o tratamento possa ser procurado imediatamente. Na maioria dos casos, as mulheres que estão apenas começando a desenvolver o câncer não demonstram nenhum sintoma. É por isso que fazer o teste de Papanicolau todo ano é tão importante. Esse exame preventivo é a melhor oportunidade que as mulheres têm de notar o câncer de colo de útero logo no início. Os sintomas do cancro cervical, uma vez que a doença já progrediu, incluem corrimento vaginal, sangramento vaginal anormal e dor durante a relação sexual. As mulheres que estejam com qualquer um desses sintomas devem procurar atendimento médico imediatamente.

O câncer cervical tem cura?
A prevenção e o diagnóstico precoce são fundamentais

Equívocos

Muitas pessoas acreditam que o câncer cervical se desenvolve apenas nas mulheres sexualmente ativas. Embora seja verdade que 95 por cento dos casos sejam causados pelo papilomavírus humano (HPV) transmitido durante a relação sexual, é importante saber que a fumaça de cigarro também pode fazer com que o câncer de colo de útero se desenvolva. Se você é fumante, mas não é sexualmente ativa, ainda assim pode desenvolver a doença, portanto, procure orientação médica imediatamente caso esteja com alguns dos sintomas de cancro cervical.

O câncer cervical tem cura?
A fumaça do cigarro também pode causar câncer cervical

Considerações

Se você tem câncer cervical, há várias opções de tratamento disponíveis. Se o câncer estiver nos estágios iniciais e não se espalhou para além do colo do útero, então a cirurgia é o tratamento mais comum. O procedimento cirúrgico mais recomendado para o cancro cervical é a histerectomia, que significa a remoção do câncer, da cérvix (colo do útero) e do útero. Isso pode ser devastador para as mulheres mais jovens, pois não poderão mais ter filhos após a cirurgia; entretanto, esse é o tratamento mais eficaz para o cancro cervical nos estágios iniciais e geralmente tem sucesso em curar as pacientes. Se a doença estiver em um estágio mais avançado e começou a se espalhar para fora da cérvix, então os médicos geralmente utilizam uma combinação de radioterapia e quimioterapia para matar as células cancerígenas. Esse tratamento também pode ser muito eficaz, mas assim como com qualquer tipo de câncer, quanto mais tarde a doença for diagnosticada, menor é a chance de sobrevivência do paciente.

O câncer cervical tem cura?
Nos estágios iniciais, a cirurgia é o tratamento mais eficaz

Benefícios

As pessoas que têm uma alimentação rica em frutas e vegetais recebem benefícios significativos para a saúde, incluindo uma diminuição expressiva no risco de desenvolver câncer cervical. As mulheres que ingerem muitos vegetais correm um risco 54 por cento menor de o HPV persistir e se transformar em cancro cervical do que as mulheres que não comem vegetais regularmente.

O câncer cervical tem cura?
Uma alimentação saudável reduz consideravelmente o risco de desenvolver a doença

Tempo

O câncer cervical costuma poder ser curado quando descoberto nos estágios iniciais. Noventa por cento das mulheres com câncer do colo do útero no estágio inicial permanecem vivas cinco anos após terem sido diagnosticadas. Sessenta e cinco por cento das mulheres com a doença no estágio 2 intermediário permanecem vivas cinco anos após o diagnóstico. Trinta e cinco por cento das mulheres com cancro cervical no estágio 3 avançado permanecem vivas cinco anos após terem sido diagnosticadas. Menos de quinze por cento das mulheres com câncer no estágio 4 muito avançado permanecem vivas cinco anos após o diagnóstico. Essas estatísticas mostram claramente a importância de detectar, diagnosticar e tratar o câncer do colo do útero o mais cedo possível, para aumentar as chances de sobrevivência da paciente.

O câncer cervical tem cura?
Em muitos casos, o HPV não mata e pode ser curado

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível