Características adaptativas de um cervo

Escrito por will milner | Traduzido por larissa frança
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Características adaptativas de um cervo
Os cervos são uma ampla categoria envolvendo várias espécies, incluindo alces e renas (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Os cervos são uma família de animais extremamente diversa abrangendo muitas espécies que vivem por uma enorme gama de habitats. Diferentes espécies de cervos enfrentando desafios de climas distintos exibem diferentes adaptações, entretanto, alguns fatores em comum entre as espécies permitem que eles lidem com os problemas gerais de alimentação, reprodução e escape dos predadores.

Outras pessoas estão lendo

A digestão

Os cervos são ruminantes, o que significa que eles mastigam, engolem, regurgitam e mastigam o alimento de novo a fim de extrair os nutrientes da matéria vegetal resistente. Eles possuem um número de adaptações para esse papel. Em vez de ter incisivos afiados como alguns mamíferos, eles possuem placas duras e planas para ajudá-los a moer a vegetação. O estômago é dividido em quatro seções que permitem que a comida seja separada, regurgitada e fermentada com micróbios que permitem que os nutrientes sejam extraídos. Essa é uma adaptação para o meio ambiente, mas o trato digestivo de um cervo não é tão poderoso como um pastador, como o de uma vaca ou ovelha. Para compensar, eles gostam de alimentar-se de alimentos mais facilmente digestíveis, tais como mudas e brotos.

A forma

Os cervos são geralmente animais elegantes, magros e com pernas poderosas. Isso os torna corredores rápidos e bons saltadores, permitindo que eles escapem de predadores movendo-se a alta velocidade através da densa vegetação rasteira. Até mesmo as espécies pesadas, como o alce, podem correr a 55 Km/h. Isso não é suficiente para superar o principal predador, o lobo, que pode correr até 65 Km/h, mas é suficiente para o cervo se afastar se estiver com vantagem.

A pelagem

As espécies de cervos possuem uma ampla variedade de pelagens que são adaptadas aos seus ambientes. Elas variam em espessura, desde pelo desgrenhado e grosso para as espécies do Ártico, como as renas, ao pelo bem curto das que moram no cerrado. Elas também mostram uma certa quantidade de variação na coloração. Geralmente, o cervo é melhor camuflado para adequar-se ao marrom-claro da vegetação rasteira. Muitos possuem também pontos brancos nas costas para imitar o padrão da luz solar refletindo das árvores para o chão.

Os sentidos

Os cervos possuem um notavelmente acurado sentido de olfato. Combinado com uma boa audição e visão afiada, isso permite que eles detectem os predadores de uma longa distância. Eles são conhecidos por umedecer seus narizes com a língua para deixá-los mais adesivos a partículas aéreas transportadoras de odor. O forte sentido de olfato, combinado com as glândulas odoríferas em suas cabeças, pernas e cascos, também permitem que um cervo deixe para trás rastros de odor para comunicar informação social sobre o tamanho, gênero e estado de cada um.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível