Como começar uma fazenda de sanguessugas

Escrito por joelle dedalus | Traduzido por deivid assis
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como começar uma fazenda de sanguessugas
É fácil criar sua própria fazenda de sanguessugas. (Hemera Technologies/PhotoObjects.net/Getty Images)

Sanguessugas são invertebrados vermiformes cuja dieta de sangue as fez ferramentas populares na prática de sangrias durante o século 19. Elas são geralmente de cor preta ou marrom e possuem ventosas na frente do seu corpo. Hoje é mais comum a criação de sanguessugas para fins de isca para pesca do que para fins médicos. Você pode seguir alguns passos simples para criar sua própria fazenda de sanguessugas.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

Instruções

    Como começar uma fazenda de sanguessugas

  1. 1

    Encha um aquário grande ou uma pequena lagoa ao ar livre com água de lagoa ou de torneira sem cloro. A criação de um habitat natural para as suas sanguessugas irá garantir que elas prosperem.

  2. 2

    Consiga sanguessugas de uma lagoa ou lago próximo. Olhe em águas rasas e sombreadas. As sanguessugas são mais ativas na primavera e no verão e são mais fáceis de se apanhar durante essas épocas. Use uma rede ou retire-as de qualquer objeto onde elas estiverem grudadas usando uma pinça de preensão. As sanguessugas também estão disponíveis para serem encomendadas para fins medicinais.

  3. 3

    Alimente suas sanguessugas logo que elas chegarem. Sangue de animais como o de um sapo vivo é uma dieta adequada para uma sanguessuga. Essa dieta deve ser suficiente ao longo do processo de reprodução.

  4. 4

    Reproduza suas sanguessugas. Dê a elas tempo suficiente para a reprodução ocorrer com o mínimo de alterações na pressão do ar quanto for possível. Sanguessugas são hermafroditas. Para se reproduzir, uma sanguessuga faz um casulo pequeno que outra sanguessuga vai fertilizar.

  5. 5

    Garanta que os filhotes tenham uma fonte de alimento prontamente disponível. Deixe caracóis ou sapos vivos no tanque para os filhotes se alimentarem.

  6. 6

    Limpe a lagoa ou tanque constantemente. Se sua lagoa ou tanque não tem um filtro, troque a água com freqüência para manter o ambiente limpo.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível