Comparações entre o ultrassom pélvico e transvaginal

Escrito por diane ursu | Traduzido por marina vidal
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

Diferentes câmeras são utilizadas em ultrassonografias. Elas variam em frequência, tamanho e formato. São chamadas de transdutores, pois convertem energia elétrica em ondas sonoras e vice e versa. Às vezes, os transdutores são nomeados de acordo com a parte do corpo para a qual foram desenvolvidos.

Outras pessoas estão lendo

Transdutores abdominais

O transdutor abdominal serve para escanear órgãos do abdômen ou pélvis. É usado em ultrassons abdominais, que examinam o pâncreas, o fígado, a bexiga e o baço. Também é usado em ultrassons renais, que tem como foco os rins. Além disso, é utilizado para examinar os órgãos da pélvis feminina, como o útero e os ovários. O transdutor abdominal geralmente transmite ondas em uma frequência entre dois e cinco mega-hertz.

Transdutores transvaginais

O transdutor transvaginal é usado para examinar os órgãos da pélvis feminina. Diversas frequências podem ser usadas nesse tipo de ultrassom, mas elas normalmente atingem a faixa dos 10 mega-hertz. O transdutor é inserido na vagina para uma inspeção minuciosa do útero e dos ovários. Grávidas de até três meses também são examinadas com ele, que também pode ser chamado de ultrassom endovaginal.

Frequência

Diferentes estruturas corpóreas exigem diferentes frequências para se conseguir o melhor resultado possível. Estruturas densas e grandes normalmente requerem uma frequência mais baixa, e o transdutor abdominal pode ser suficiente. Cistos grandes, que são bolsas cheias de líquido, podem ser melhor visualizados com um ultrassom de alta frequência. Eles necessitam de uma distância menor para que as ondas sonoras se propaguem, então, a ultrassonografia transvaginal permite que a câmera seja colocada próxima aos órgãos.

Preparação

O ultrassom não consegue produzir imagens através de gases intestinais, que podem obstruir a visão dos órgãos abdominais. Para a realização do ultrassom abdominal, é necessário um jejum de oito horas antes do exame para que os gases tenham tempo de se dispersarem. Em um ultrassom pélvico, o transdutor abdominal é usado para visualizar o útero e os ovários através da bexiga cheia, que empurra o intestino para fora do caminho. Como a bexiga é uma estrutura cística grande, ela precisa ser esvaziada em ultrassons transvaginais.

Segurança do paciente

Transdutores abdominais normalmente são limpos com uma toalha. Caso entre em contato com fluidos corporais, um desinfetante é usado na sua limpeza. Os transdutores transvaginais são cobertos com uma camisinha ou capa específica durante o exame. Ao final, a proteção é descartada, o transdutor é limpo e colocado em um fluido frio para esterilização.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível