Condições ideais para o plantio de romã

Escrito por denise brandenberg | Traduzido por contributing writer
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Condições ideais para o plantio de romã
Árvores de romã são belas e incomuns em jardins (Jupiterimages/Photodisc/Getty Images)

As árvores de romã são arbustos ou árvores que normalmente crescem em torno de 3,6 a 4,8 metros de altura, de acordo com o site da "Rare Fruit California Growers". Elas são facilmente cultivadas a partir de sementes e produzem romãs com pele como couro, que são nutritivas e ricas em vitaminas. Existem dois tipos principais de variedades de romã, incluindo a amarela e a rubi. Ambos os tipos podem ser facilmente cultivados se plantados e colhidos em ambientes apropriados.

Outras pessoas estão lendo

História

As romãs são nativas do Irã e do Himalaia indiano. Elas têm sido cultivadas desde os tempos antigos em todo o Mediterrâneo, Ásia e regiões tropicais Africanas. Por causa de suas sementes numerosas e a forma da fruta, ela é um símbolo de fertilidade em muitas religiões, como o judaísmo. A árvore da romã foi levada para a Califórnia no final dos anos 1700 pelos colonizadores espanhóis e hoje é cultivada nas regiões áridas dos Estados Unidos e na America Latina.

Clima

Esta árvore frutífera normalmente precisa de condições semiáridas e temperatura amena para crescer e prosperar. Romãs se adaptam facilmente às regiões com verões quentes e invernos frios, como o sudoeste dos Estados Unidos. A formação do fruto pode ser prejudicada pela pluviosidade excessiva e umidade do ar. Portanto, as romeiras não prosperarão em áreas como as regiões Sul e Sudeste dos Estados Unidos. No entanto, a romeira cresce em um ambiente de estufa.

Localização e solo

As romeiras devem ser plantadas em partes mais quentes e ensolaradas do jardim ou pomar. Elas crescem com sucesso em solo drenado comum, mas também podem crescer em cascalho ou barro ácido. Elas são um dos únicos tipos de árvores frutíferas que são tolerantes a solos salinos. As romeiras podem ser plantadas juntas ou como árvores independentes. Os produtores devem estar conscientes de que as árvores criam brotos secundários livremente, e os brotos devem ser retirados com frequência para evitar o desenvolvimento arbustivo.

Irrigação e fertilização

As romeiras são duráveis ​​em condições de seca, mas elas devem ser irrigadas regularmente para desenvolver a produção de bons frutos. Romeiras recém plantadas precisam ser regadas a cada 2 a 3 semanas para assegurar que seus períodos de criação sejam bem sucedidos. As árvores são normalmente adubadas com fertilizantes nitrogenados nas duas primeiras primaveras. Depois disso, elas podem ser sustentadas com uma cobertura anual de composto ou estrume podre. Se as folhas começarem a amarelar, é necessário mais fertilizantes de nitrogênio.

Colheita

As romãs estão prontas para a colheita quando ficam com uma cor vermelha distintiva, geralmente no final de fevereiro a maio. Alguns jardineiros batem levemente nas frutas e ouvem um som metálico para saber quando elas estão prontas para serem colhidas. O fruto poderá facilmente quebrar quando está maduro, e tem uma vida de armazenamento longa.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível