O que é o cromossomo 15

Escrito por kathlyn king | Traduzido por andré schwarz
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que é o cromossomo 15
O cromossomo 15 detêm mais de 3% do DNA celular (Comstock/Comstock/Getty Images)

A ciência do século XXI está desvendando os segredos da saúde genética, primariamente pelo estudo dos cromossomos. Eles são repositórios do DNA, que carrega a informação genética de uma pessoa. No corpo humano, há 26 tipos diferentes de cromossomos e cada pessoa os tem aos pares, herdando uma unidade de cada pai. Os autossomos, que são todos os cromossomos exceto aqueles que determinam o sexo, são numerados de acordo com o tamanho. De acordo com a Biblioteca Nacional de Medicina dos Estados Unidos, o cromossomo 15 detêm mais de 3% do DNA celular, com 650 a 1000 genes.

Outras pessoas estão lendo

Genes relacionados às cores

Alguns genes relacionads às cores de olhos e pele ficam nesse cromossomo sob análise. Alguns deles são o EYCL3, que confere olhos castanhos, e EYCL2, que determina onde no olho ficarão as células de melanina. Embora múltiplos genes sejam necessários para determinar a cor dos olhos, essa descoberta é importante porque desbanca a teoria de que a cor é determinada por um único gene dominante.

O que é o cromossomo 15
O cromossomo 15 está mudando a forma de compreender as cores dos olhos (BananaStock/BananaStock/Getty Images)

Cromossomo 15 isodicêntrico

De acordo com a Autism Genetics Cooperative, pesquisas apontam que um em cada 5.000 recém-nascidos detém um 47° gene que é uma duplicação invertida do cromossomo em análise, sendo isodicêntrico. Ele é associado a atrasos de desenvolvimento e comportamentos autistas. Esse genótipo é mais frequente que qualquer outro distúrbio genético presente em crianças autistas e a duplicação dos genes no braço longo q é cada vez mais associado ao autismo.

Problemas com o acrocentrismo

Ele é também um dos 5 cromossomos acrocêntricos, que têm um braço muito curto. Isso deixa o centrômero próximo à ponta e, quando ocorre a fusão de dois cromossomos acrocêntricos, cria-se uma translocação robertsoniana. Se, em uma mulher, o braço curto se funde ao cromossomo 21, há de 10 a 15% de chance de cada filho dela portar a síndrome de Down.

Deleção no cromossomo 15

A deleção ocorre na quebra cromossômica que acarreta perda de material genético, sendo a disfunção genética determinada pelo ponto no qual ela ocorre. De acordo com a Biblioteca Nacional de Medicina dos Estados Unidos, cerca de 70% das pessoas com síndrome de Angelman têm uma deleção no lado materno do cromossomo 15. Esse fenômeno também afeta a síndrome de Prader-Willi, que causa obesidade em crianças.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível