A diferença entre algoritmos, pseudocódigos e linguagens de programação

Escrito por mike southern | Traduzido por joanna riva
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
A diferença entre algoritmos, pseudocódigos e linguagens de programação
As linguagens de programação permitem que códigos binários sejam criados mais facilmente (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Se você é novo na programação de computadores ou é autodidata, é possível se confundir com alguns termos comumente utilizados. A maioria das pessoas entende o que significa linguagem de programação, porém termos como "algoritmo" e "pseudocódigo" muitas vezes são utilizados sem compreensão clara de seus propósitos. Algoritmos, pseudocódigos e linguagens de programação são ferramentas utilizadas por programadores em diferentes etapas do desenvolvimento de um projeto. Se você compreender o uso adequado delas, poderá desenvolver programas mais rapidamente e eles serão mais fáceis de manter.

Outras pessoas estão lendo

Algoritmos

Um algoritmo é uma série simples de etapas que devem ser seguidas ao se resolver um problema. As etapas devem ser listadas na ordem em que devem ser realizadas. Se você der instruções a um amigo de como chegar à sua casa, começando na localização inicial dele e terminando na localização pretendida, poderia chamar isso de um algoritmo de como chegar em casa. Receitas de como fazer um bolo ou instruções de como construir uma mesa também são algoritmos. No entanto, programadores de computação utilizam o termo especificamente para descrever os passos que um programa de computador deve seguir para realizar sua finalidade.

Linguagens de programação

Obviamente, computadores não compreendem instruções escritas nas linguagens humanas. O algoritmo deve ser "explicado" para eles em uma linguagem que eles entendam, e essa linguagem é o código binário, uma série de zeros e uns, sendo difícil que pessoas a leiam e escrevam nela sem cometer muitos erros. Linguagens de programação foram projetadas para simplificar esse processo. Elas usam palavras chave e sintaxe especiais, o equivalente ao vocabulário e gramática na linguagem humana. A linguagem de programação, então, converte essas palavras e sintaxe para o código binário que é executado pelo computador para realizar o algoritmo.

Pseudocódigo

Quando começam a desenvolver um programa, os programadores geralmente não sabem em que linguagem de programação ele será escrito no final. Mesmo que eles saibam, podem achar que a linguagem de programação não é uma maneira natural para que consigam pensar claramente sobre a lógica dos passos do algoritmo. Para deixar esse processo mais simples, os programadores utilizam uma forma intermediária de código chamada de "pseudocódigo". O pseudocódigo parece com uma linguagem humana simplificada, mas ela não é baseada em nenhuma linguagem de programação específica. Um bom exemplo é a sintaxe para decisão com estruturas se-então; outro exemplo é a sintaxe de looping para estruturas próximas.

Vantagens de cada

Cada tipo de "linguagem" dá ao programador uma vantagem na etapa do desenvolvimento em que é utilizada. Algoritmos podem ser utilizados em linguagem humana normal, permitindo que especialistas que não sejam programadores forneçam informações na fase de desenvolvimento do programa. O pseudocódigo permite que os programadores que são especializados em diferentes linguagens de programação reúnam seus conhecimentos e criem códigos mais eficientes, resultando em programas rápidos e compactos, e as linguagens de programação fornecem flexibilidade, já que algumas são melhores para determinados trabalhos. Ao usar as três ferramentas, programas de computador melhores podem ser desenvolvidos mais rapidamente e de forma mais econômica.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível