Efeitos do álcool sobre o pâncreas

Escrito por lars tramilton | Traduzido por ronaldo moretti
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

Acredita-se que, grandes quantidades de álcool podem causar danos ao pâncreas. O álcool prejudica o pâncreas, diminuindo a quantidade de enzimas digestivas que são liberadas o que, consequentemente, provoca inflamação e vazamento de enzimas digestivas. As enzimas digestivas, em seguida, atacam o pâncreas. A ingestão significativa de álcool, também, pode causar uma doença do pâncreas chamada pancreatite aguda.

Outras pessoas estão lendo

Pancreatite aguda

Esta condição é causada pela rápida inflamação do pâncreas. O alto consumo de álcool é uma das principais causas desta condição, embora outras causas como trauma, hereditariedade, triglicerídeos, drogas e cálculos biliares e doenças de cálculos biliares também sejam causas possíveis.

Alerta

O consumo excessivo de álcool pode levar à pancreatite que, pode então levar o indivíduo a correr risco muito maior de desenvolver o câncer pancreático. A pancreatite causa uma dor que tem intensidade leve a severa na área abdominal, que vai e vem, em ondas. A dor pode alastrar-se para as costas. Vômitos e náuseas também são comuns na pancreatite. Sudorese, nervosismo e fraqueza também são efeitos dos ataques de pancreatite. O ataques ainda podem exigir hospitalização para reter alimentos e líquidos.

Identificação

Acredita-se que de 4/5 das condições de pancreatite sejam causadas pelo consumo excessivo de álcool. No entanto, para pessoas que não têm um problema de álcool ou que nunca tiveram um, outras causas desta desordem do pâncreas são hiperatividade da glândula paratireóide, doenças auto-imunes e outras.

Pesquisa

Uma pesquisa realizada em 2008, pela University of Toronto e University Health Network, provaram o dano causado ao pâncreas pelo consumo de álcool, ao testar essa teoria em ratos. Os roedores que tiveram álcool incluído em sua dieta desenvolveram inflamação do pâncreas, como acontece com os seres humanos que consomem álcool em excesso.

Teorias/Especulação

Geralmente, pessoas com formas leves de pancreatite podem resolver o problema através de terapia de suporte e da abstenção total do consumo de álcool. No entanto, indivíduos com pancreatite grave correm alto risco de morte que, está, principalmente, relacionado com o grau de infecção pancreática. A cirurgia é necessária para estas situações.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível