Especificações para cabos CAT5, CAT5e, CAT6 e CAT6e

Escrito por glenn xavier | Traduzido por rodrigo da silva
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Especificações para cabos CAT5, CAT5e, CAT6 e CAT6e
Conector do cabo Ethernet (ethernet image by Victor B from Fotolia.com)

As categorias 5, 5e, 6 e 6e são especificações para os cabos de par trançados gradualmente melhoradas para a Ethernet. Esses cabos de rede contêm vários pares de fios torcidos em conjunto de modo a reduzir a interferência de sinal. Cabos Ethernet normalmente usam um conector modular 8P8C (oito posições, oito contatos) e um esquema de fiação comum referenciado pela "Telecommunications Industry Association" (Associação Industrial de Telecomunicações).

Outras pessoas estão lendo

Categoria 5

A categoria 5 transmite nas frequências de 100MHz, proporcionando uma velocidade de linha nominal de até 100 Mbit/s com um cabo de comprimento máximo de segmento de 100 metros. A maioria dos cabos de Categoria 5 são projetados para redes primárias, pois só usam dois pares trançados. Mesmo sendo os mais velhos da categoria 5, esses cabos continuam sendo os mais usados na maior parte da infraestrutura de rede do mundo.

Categoria 5e

Uma melhor especificação de categoria 5 foi introduzida mais tarde. Através da redução do ruído e da interferência de sinal, a Categoria 5e foi capaz de aumentar a velocidade de transferência nominal para 350 Mbit/s ao longo de 100 metros. A nova norma também exige que todos os cabos incluam quatro pares trançados (todos os oito contatos). Um esquema de codificação otimizada permite o uso de cabos da Categoria 5e em comprimentos de até 50 metros para atuarem em velocidades de (1000BASE-T) Gigabit Ethernet .

Categoria 6

A adoção generalizada do Gigabit Ethernet (1000BASE-T) fez necessários novos cabos padronizados capazes de transmitir em uma frequência maior de 250 MHz. A categoria 6 utiliza fios de bitola mais grossa, blindagem aumentada e mais pares de voltas por polegada para reduzir o ruído de sinal e interferências. Quanto mais apertado, mais a categoria consegue trabalhar, chegando à velocidade de transferência de 1.000 Mbit/s em 100 metros. Velocidades de 10-Gigabit Ethernet são realizáveis ​​quando se reduz o comprimento dos cabos para menos de 50 metros.

Categoria 6e

A categoria 6 aprimorada (6e) é uma especificação aumentada projetada para duplicar a frequência de transmissão para 500 MHz. Envolvendo a categoria 6e em uma folha de blindagem aterrada, velocidades de Ethernet de 10 Gigabit podem ser alcançadas sem a necessidade de sacrificar o comprimento máximo do cabo que é de 100 metros.

Especificações da fiação para o cabo Ethernet

Todos os cabos Ethernet usam o padrão de cabeamento T568A ou T568B. Vários cabos podem ser misturados, mas a utilização de um padrão de fiação diferente em cada extremidade de um único cabo resulta em um cabo Ethernet cruzado.

T568A Pino 1 - Branco/Verde - Par 3, ponta Pino 2 - Verde - Par 3, anel Pino 3 - Branco/Laranja - Par 2, ponta Pino 4 - Azul - Par 1, anel Pino 5 - Branco/Azul - Par 1, ponta Pino 6 - Laranja - Par 2, anel Pino 7 - Branco/Marrom- Par 4, ponta Pino 8 - Marrom - Par 4, anel

T568B Pino 1 - Branco/Laranja - Par 2, ponta Pino 2 - Laranja - Par 2, anel Pino 3 - Branco/Verde - Par 3, ponta Pino 4 - Azul - Par 1, anel Pino 5 - Branco/Azul - Par 1, ponta Pino 6 - Verde - Par 3, anel Pino 7 - Branco/Marrom- Par 4, ponta Pino 8 - Marrom- Par 4, anel

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível