Especificações da Schwinn StingRay Chopper

Escrito por matt gerrard | Traduzido por guilherme maluf
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Especificações da Schwinn StingRay Chopper
Desenho "chopper" característico da Schwinn Stingray (Getty Images/Getty Images News/Getty Images)

A Schwinn Stingray foi uma bicicleta produzida entre 1963 e 1981. Seu característico estilo "chopper" foi retomado em 2004, quando a bicicleta foi relançada com todas as características geométricas únicas que a tornaram popular originalmente, assim como algumas opções de tecnologia moderna.

Outras pessoas estão lendo

Geometria

O quadro de 0,9 m x 1,9 m x 0,66 m da StingRay reeditada possui um desenho mais alongado e esticado, resultando em uma posição de direção mais recostada. A versão moderna é especialmente modelada como uma motocicleta "chopper". O assento é baixo, logo acima da roda traseira e os pedais são montados mais à frente a fim de imitar a posição de pilotagem de uma moto "chopper". A barra transversal e o tubo vertical são mais extensos que em uma bicicleta comum, assemelhando-se ao tanque de gasolina da motocicleta.

Estrutura

A StingRay tem rodas de liga leve, com pneus de diferentes tamanhos para manter o estilo "chopper". A roda traseira é aro 20 com um pneu "Big Boa" mais largo de quase 11 cm. A dianteira é mais alta e mais estreita, com aro 24 e pneu de 5 cm. Há apenas um sistema de freio "V-Brake" na roda traseira e uma eixo de pedal de três peças com apenas uma marcha.

Estilo e acessórios

O banco de couro batido em formato de banana ajudam no visual "chopper", assim como o sissy-bar (haste em formato de V invertido) cromado atrás dele. Um para-lamas cromado cobre a roda traseira, mais curto para manter o estilo. O garfo "triple-tree" também imita o garfo da motocicleta, assim como o pezinho de apoio cromado.

Versão elétrica

Uma versão da StingRay está disponível e inclui um conjunto com bateria recarregável. Batizada de "StingRay Electric", a unidade contém um motor de 24 volts e 250 watts, alimentado por um par de baterias lacradas de chumbo em um estojo desenhado para se parecer com um motor V-Twin. As baterias podem ser carregadas pelo sistema principal ou removidas quando não estiverem em uso. Quando instalado, a potência é controlada por uma manopla giratória ao estilo das motocicletas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível